Confiante em fazer bom trabalho, Rosberg admite: “Seria ótimo terminar à frente de Hamilton”

Nico Rosberg se disse confiante em fazer um bom trabalho na temporada 2013 e admitiu que seria ótimo fechar o ano à frente de Lewis Hamilton. Germânico, entretanto, disse que essa não é a sua prioridade

Apesar de ter conquistado a única vitória da Mercedes na temporada 2013 da F1, Nico Rosberg aparece atrás de Lewis Hamilton na classificação do Mundial – o germânico soma 57 pontos, contra os 77 de seu companheiro de time. Ainda assim, Nico segue confiante em fazer um bom trabalho.
Rosberg afirmou que meta é somar o maior número de pontos possível sem se importar com Hamilton (Foto: Getty Images)
Rosberg ponderou que os dois abandonos que teve no ano impactaram seu desempenho na tabela do Mundial e reconheceu que seria bom fechar o ano à frente de Hamilton. Ainda assim, Nico afirmou que esta não é a sua prioridade. 
 
“Estou confiante em fazer um bom trabalho”, destacou. “Muitas coisas entraram em jogo. Eu tive dois abandonos, por exemplo, o que prejudicou muito o meu número de pontos”, apontou o germânico.
 
“Seria ótimo terminar à frente de Lewis, mas a prioridade é realmente fazer um bom trabalho e garantir que eu pontue o máximo possível no campeonato”, concluiu. 

GRANDE PRÊMIO acompanha ‘in loco’ o GP da Inglaterra, direto do circuito de Silverstone neste final de semana, com o repórter Renan do Couto.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube