Confiante em nova temporada forte, Alonso diz que Ferrari não pode se dar ao luxo de priorizar carro de 2014

Fernando Alonso se mostrou confiante para 2013 e disse que a Ferrari vai permanecer desenvolvendo o atual carro durante toda a temporada

Fernando Alonso não tem dúvidas de que a Ferrari vai desenvolver o carro de 2013 ao longo da temporada, ao invés de, na metade do ano, já focar o trabalho no projeto do ano que vem. Diante das grandes mudanças nos regulamentos para 2014, as equipes já estão avaliando a melhor forma de desenvolver o próximo carro. A Ferrari, inclusive, terá um departamento separado, liderado pelo projetista sul-africano Rory Byrne, visando a temporada que vem.

E o espanhol entende que, apenas uma temporada altamente desastrosa, possa alterar os planos ferraristas. "É importante chegar até a metade da temporada com uma boa vantagem, maior de que as de outros anos, porque, em 2014, os carros vão mudar dramaticamente", disse o asturiano.

"Vai ser difícil chegar até a parte final do campeonato e desistir. E isso só vai acontecer se você tiver uns 50 ou 60 pontos atrás do líder", completou. "É algo que não desejo que aconteça conosco, mas se acontecer, então será melhor nos concentrar para 2014", acrescentou o espanhol.

Alonso confia no potencial da F138 (Foto: Studio Colombo/ Ferrari)

Alonso, entretanto, confia em uma melhor e mais competitiva temporada da Ferrari. "Mas não acho que teremos de adotar esse caminho. Se você está 20 ou 30 pontos à frente ou mesmo atrás, te força a continuar na luta, porque ainda tem muita corrida pela frente. No ano passado, Sebastian Vettel tinha 45 pontos de desvantagem [em julho] e venceu o campeonato. Por isso, você sempre tem de lutar com o que tem", declarou.

"Em cima disso, você não pode testar qualquer coisa durante a temporada que será útil para 2014. Não pode testar às sextas-feiras o turbo, então terá de se concentrar em 2013 mesmo", concluiu.

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube