F1

Confira declarações dos pilotos após primeiro dia de testes coletivos da F1 na Espanha

Depois do GP da Espanha, disputado no último fim de semana, pilotos e equipes voltaram à pista de Barcelona para o primeiro dia de testes. A Mercedes, novamente, foi a mais veloz, com Valtteri Bottas sendo 1s5 mais rápido que a Ferrari de Charles Leclerc. A sessão também viu alguns novatos, mas a maioria dos times colocou seus titulares na pista

GRANDE PRÊMIO / Redação GP, de Curitiba
As equipes e pilotos, mais uma vez, tiveram a chance de testar após um GP da temporada. Depois da etapa da Espanha, a quinta de 2019 e vencida por Lewis Hamilton, a terça-feira foi dedicada às atividades de avaliação de peças, pneus e compostos protótipos da Pirelli para 2020 – Sebastian Vettel, com a Ferrari, esteve à frente das análises da nova borracha italiana. Já Valtteri Bottas, que dedicou o dia à diferentes configurações e peças aerodinâmicas, colocou a Mercedes na ponta da tabela, sendo seguido por Charles Leclerc. A diferença entre eles ficou em quase 1s4 – é preciso levar em consideração os acertos distintos de carga de combustível e pneus.
 
A Toro Rosso terminou o dia na terceira posição com Daniil Kvyat. Nico Hülkenberg foi o quarto, logo à frente de Pierre Gasly. O brasileiro Pietro Fittipaldi andou com a Haas e também experimentou os novos pneus da Pirelli. Muitos rostos novos apareceram, como o de Nick Yelloly (Racing Point) e de Callum Ilott (Alfa Romeo), além de Nicholas Latifi (Williams), mas a maioria das equipes preferiu andar com os seus titulares. 
 
A Fórmula 1 segue em Barcelona para um segundo e último dia de testes. Sergio Sette Câmara vai guiar a McLaren nesta quarta-feira.
Valtteri Bottas (Foto: Mercedes)
 
Charles Leclerc, segundo: "Foi um dia positivo, no geral. Nós completamos a distância total de dois GPs e coletamos muitos dados que vamos analisar para entender melhor o carro. Estamos nos esforçando para continuar melhorando e estou ansioso para voltar aos testes amanhã."
 
Daniil Kvyat, terceiro: "Foi um primeiro dia produtivo de testes, cumprimos todo o nosso programa técnico, além da avaliação das novas peças. A equipe trabalhou perfeitamente e tivemos um ritmo consistente, que é o que queríamos. Acho que podemos aprender bastante com os dados coletados aqui, para que possamos também trazer novas ideias para as próximas corridas."
 
Nico Hülkenberg, quarto: "Nós fomos capazes de coletar muitos dados e informações sobre o carro. Esse teste veio em boa gora para mim e para a equipe. Se tudo der certo, faremos algo bom com o que conseguimos aqui."
 
Pierre Gasly, quinto: "Foi um dia agitado. Conseguimos avaliar todos os novos elementos, e a intenção é estabelecer uma direção para as próximas corrida, além de extrair um pouco mais de desempenho desse novo pacote. Tivemos o que parece ser um problema de transmissão perto do fim da sessão, que agora será analisado."
Charles Leclerc foi o segundo mais rápido do dia (Foto: AFP)
Carlos Sainz, sexto: "Foi um dia muito positivo de testes, pois conseguimos completar todo o nosso programa técnico como o planejado. Nós avaliamos alguns acertos diferentes e tiramos algumas dúvidas que ficaram do fim de semana. Encontramos resultados interessantes para explicar o nosso rendimento e a razão pela qual tivemos dificuldades com o nosso ritmo de classificação e corrida. Também analisamos peças aerodinâmicas novas e agora temos muitos dados para trabalhar, por isso estou feliz com o dia de hoje e ansioso pelo GP de Mônaco.”
 
 
Lando Norris, décimo: "Hoje foi um dia decente de testes. Nós completamos o programa planejado. E confirmamos algumas suspeitas do fim de semana, além de trabalhar em alguns aspectos para o GP de Mônaco. Não fizemos muitas voltas, mas fizemos aquilo que era necessário e aprendemos mais sobre o carro."
 
Nicholas Latifi, 13º: "Foi um dia produtivo e completamos o máximo de voltas que conseguimos. As sessões transcorreram sem problema, apesar das bandeiras vermelhas. Dias como este são importantes para garantir um bom aprendizado do carro e entender o que podemos melhorar. Estou ansioso para voltar ao FW42 amanhã."

A sexta etapa da temporada 2019 do Mundial de F1 acontece em 15 dias com o mais tradicional evento do calendário, o GP de Mônaco. O GRANDE PRÊMIO acompanha tudo AO VIVO e em TEMPO REAL.

Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo 

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.