Confira declarações dos pilotos após sexta-feira de treinos livres do GP da Austrália, primeira etapa da temporada 2017 da F1

Foi de Lewis Hamilton a total supremacia no primeiro dia da temporada da F1. Nesta sexta-feira (24), Hamilton liderou os dois treinos livres com superioridade e mostrou que entra em 2017 como o favorito, sim, ao tetracampeonato mundial

 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

Depois de meses de espera para ver os novos carros da F1 em ação pela temporada 2017, esta sexta-feira (24) deu as primeiras impressões da nova realidade no Mundial. E embora o primeiro dia numa pista de rua seja sempre complicado por conta da sujeira na pista, Lewis Hamilton sobrou nos dois treinos. Especialmente no segundo, onde os carros mostraram mais velocidade. A liderança do tricampeão mundial se deu por mais de 0s5.

 

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 1
,components : { mute: {delay :3}, skip: {delay :3} }
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);
Mercedes e Ferrari dividiram as quatro primeiras colocações no TL2. Hamilton sobrou, ficou numa liga própria. Depois dele, Sebastian Vettel conseguiu se esgueirar na frente de Valtteri Bottas por 0s009. Um pouco mais atrás, Kimi Räikkönen.

 
A Red Bull quer se aproximar mais no sábado, porque o segundo treino livre não foi tão positivo. Daniel Ricciardo até foi o quarto colocado na sessão inicial, mas na segunda ficou mais de 0s1 atrás de Kimi e na quinta colocação. Max Verstappen não acompanhou mesmo e terminou em sexto.
 
Seguindo a superioridade das três principais equipes do grid, surpreendeu a Toro Rosso colocar seus dois pilotos no top-10. Carlos Sainz foi o sétimo, Daniil Kvyat o décimo. Romain Grosjean e Nico Hülkenberg, oitavo e nono colocados, encerraram a lista. 
Lewis Hamilton (Foto: Divulgação)
A Force India só foi aparecer na 11ª posição com Sergio Pérez, logo à frente de Fernando Alonso com a McLaren. Esteban Ocon e Felipe Massa vieram na sequência, acompanhados de Marcus Ericsson, Lance Stroll, Stoffel Vandoorne, Pascal Wehrlein, Kevin Magnussen e Jolyon Palmer fecharam a lista.

Confira as declarações:

TORO ROSSO
 
Carlos Sainz, sétimo no TL2: "Foi um começo positivo para a temporada. Pudemos seguir nosso programa sem qualquer problema. Dá para sentir que essa nova geração de carros é muito mais rápida que a do ano passado. Dei minha volta mais rápida em Melbourne hoje à tarde."
 
Daniil Kvyat, décimo no TL2: "Foi uma sexta-feira produtiva, pudemos completar muitas voltas. É ótimo finalmente voltar à pista e ter o primeiro final de semana do ano. Parece que finalmente voltar para a escola."
HAAS
 
Romain Grosjean, oitavo no TL2: "Foi um dia muito bom no meu lado da garagem. O carro estava bem melhor que na pré-temporada, o que é ótimo. É bom estar aqui e colocar o ajuste certo no carro para sair e se divertir. Nós mais ou menos fizemos o programa que queríamos hoje, o que foi surpreendente para um primeiro dia na Austrália. Mas tivemos problemas do outro lado da garagem. Espero que possamos compartilhar informações e andar ainda mais rápido amanhã. Estou certo de que há muita área para melhorar. Amanhã será um bom dia."
 
Kevin Magnussen, 19º no TL2: "Foi um dia frustrante. Eu não consegui tirar muito de hoje. Vamos investigar e, espero, encontrar o problema. Vamos ver o que acontece amanhã. Não sabemos qual clima iremos encontrar, talvez seja chuva e aí tudo mudar, de qualquer jeito. Vamos ver… É bom ver, porém, que o carro é competitivo. É muito animador para a nossa temporada. É o que de positivo eu tiro de hoje."

RENAULT
 
Nico Hülkenberg, nono no TL2: "Eu diria que foi uma primeira sexta-feira razoável para a temporada. Temos uma base decente para trabalhar. Fizemos progressos reais no equilíbrio e ajuste e também nos entendemos melhor com os pneus. O R.S.17 está bom no Albert Park, e sabemos que é possível progredir para amanhã com tudo o que aprendemos."
 
Jolyon Palmer, 22º no TL2: "Infelizmente foi um dia bem curto em termos de tempo no carro. Tivemos um problema técnico na primeira sessão, depois eu saí da pista no TL2 – o que, diferente do TL1, obrigou a mudança de mais de uma parte. Não tenho certeza do que aconteceu, precisamos olhar de perto para as informações coletadas. Sinto muito pela minha equipe, porque eles têm muito trabalho a fazer. O Albert Park é um circuito muito legal, especialmente com esses carros. Estou confiante em mais tempo de pista amanhã, mas estaremos atrás do resto tendo que ir para o dia da classificação com apenas dez voltas dadas."
Sergio Pérez (Foto: Force India)
FORCE INDIA
 
Sergio Pérez, 11º no TL1: "É sempre importante começar o ano com um dia sem problemas e cobrindo muita quilometragem. Como normalmente em Melbourne, a pista estava muito 'verde' durante o primeiro treino, e nós evoluímos bastante para a segunda sessão. Testamos todos os compostos de pneu e temos informações o bastante para melhoras durante a noite. Creio que podemos melhorar a performance em algumas áreas, mas precisamos saber onde focar nossa energia."
 
Esteban Ocon, 13º no TL2: "Não tive o melhor começo de dia possível por causa do problema no freio, o que causou um atraso na minha ida à pista. Mas à tarde foi mais fácil, e eu consegui melhorar o ritmo. A prioridade hoje à noite é fazer o trabalho normal de explorar onde precisamos melhorar, encontrar desempenho e onde eu posso melhorar. Espero que consigamos dar um passo à frente durante o último treino livre para estarmos prontos para o treino classificatório."
MCLAREN
 
Fernando Alonso, 12º no TL2: "Relativamente como os testes, mas sem os problemas que tivemos lá. Pudemos rodar um pouco mais, extrair mais potencial do carro, o que é positivo. Ainda há muito mais por vir e ainda precisamos continuar trabalhando porque estamos longe dos primeiros colocados. Todas as vezes que fomos à pista, aprendemos alguma coisa. Também pudemos testar novos componentes, que parecem estar trabalhando bem. Precisamos maximizar nosso potencial."
 
Stoffel Vandoorne, 17º no TL2: "O carro estava OK. Claro que perdemos tempo no TL1, mas acho que tivemos um bom TL2, com bastante quilometragem. Conseguir dar voltas era o foco – eu queria colocar tempos na tabela, fazer algumas simulações de corrida e conseguir uma compreensão melhor do que temos. É difícil prever onde nos classificaremos. Não estou pensand em tempos no momento. É mais uma questão de sensação do carro. Estou tentando acumular voltas no carro, me sentindo mais confortável e feliz com os novos ajustes. Melhorei muito do TL1 para o TL2, então espero que amanhã possamos dar outro passo à frente.
Pascal Wehrlein (Foto: Sauber F1 Team)
SAUBER
 
Marcus Ericsson, 15º no TL2: "No geral foi um dia positivo para nós Durante os testes de Barcelona nós não estávamos completamente felizes com o equilíbrio do carro. Depois de analisar as informações demos um passo grande, e eu estou confortável no carro aqui em Melbourne. Hoje conseguimos dar muitas voltas com tipos diferentes de pneus, então, no geral, foi um bom começo de fim de semana."
 
Pascal Wehrlein, 18º no TL2: "Não estou totalmente satisfeito com meus primeiros treinos livres. Ainda estamos trabalhando em encontrar o melhor ajuste para o carro, mas foi positivo reunir tantas informações nas duas sessões. Agora precisamos focar no amanhã para que possamos atingir melhoras."
 
WILLIAMS
 
Lance Stroll, 16º no TL2: "Para mim foi um bom dia. Dei muitas voltas e estava apenas aprendendo a pista. É bom finalmente quebrar o gelo, ir à pista e ir até o limite. Tenho que ir me acertando, foi isso que eu fiz hoje – ainda deixando margem. Não há muito espaço para erro nessa pista, mas é divertida e me agradou. O TL2 foi uma sessão complicada. Minha primeira ida à pista foi divertida, mas a segunda foi uma pena, porque a bandeira amarela me obrigou a abortar a volta. Isso significou que nós perdemos a volta que queríamos com os ultramacios. De qualquer forma, foram apenas os primeiros treinos. Acho que ainda posso melhorar muito, e temos bastante o que aprender."
 

PADDOCK GP #70 FAZ PRÉVIA DE ABERTURA DAS TEMPORADAS DE F1 E MOTOGP E LEMBRA PACE

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube