Confira declarações dos pilotos após sexta-feira do GP da Rússia de F1 2021

Com 1min33s593, Valtteri Bottas fechou a sexta-feira (24) em Sóchi com o melhor tempo da Fórmula 1. Só 0s044 mais lento, Lewis Hamilton foi o segundo, à frente de Pierre Gasly

Valtteri Bottas foi o mais rápido no primeiro dia de treinos para o GP da Rússia de Fórmula 1. O finlandês cravou 1min33s593 na melhor volta em Sóchi nesta sexta-feira (24) e encerrou as atividades livres com só 0s044 de margem para Lewis Hamilton. Pierre Gasly completa o top-3.

Já 0s561 atrás de Bottas, Lando Norris ficou com a quarta colocação, à frente de Esteban Ocon. Líder do Mundial, Max Verstappen cravou 1min34s621 e ficou com a sexta posição. O piloto da Red Bull, aliás, vai precisar trocar o motor e, assim cumprirá punição no grid russo.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

As corridas do fim de semana na TV e no streaming: 24 a 26 de setembro

VALTTERI BOTTAS; MERCEDES; SÓCHI; GP DA RÚSSIA;
Valtteri Bottas teve grande performance nesta sexta-feira na Rússia (Foto: LAT Images/Mercedes)

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Carlos Sainz Jr. ficou com o sétimo posto, diante de Fernando Alonso e Sebastian Vettel. Charles Leclerc fechou o top-10, seguido por Sergio Pérez, Kimi Räikkönen, George Russell, Antonio Giovinazzi, Lance Stroll, Nicholas Latifi, Daniel Ricciardo, Yuki Tsunoda, Nikita Mazepin e Mick Schumacher.

Confira declarações dos pilotos:

Valtteri Bottas, líder: Bottas destaca confiança “desde a primeira tentativa” durante treinos livres em Sóchi

Lewis Hamilton, segundo: Hamilton mira 1-2 da Mercedes com punição a Verstappen em Sóchi: “Temos de aproveitar”

Pierre Gasly, terceiro: Gasly exalta performance em Sóchi, mas diz: “Não estou 100% confortável com equilíbrio”

Lando Norris, quarto: Norris crê em McLaren mais fraca em Sóchi que em Monza: “Somos menos competitivos”

Esteban Ocon, quinto: Ocon e Alonso revelam correria por perigo de chuva em Sóchi: “Testamos tudo hoje”

Max Verstappen, sexto: Verstappen apoia Red Bull por trocar motor em Sóchi, mas diz: “Recuperação será difícil”

Carlos Sainz Jr., sétimo: Sainz celebra boa sexta-feira em Sóchio que exige “confiança e muito empenho”

Fernando Alonso, oitavo: Ocon e Alonso revelam correria por perigo de chuva em Sóchi: “Testamos tudo hoje”

Sebastian Vettel, nono: Vettel celebra “dia produtivo” e espera chuva em Sóchi para “bagunçar o pelotão”

CHARLES LECLERC; FÓRMULA 1; FERRARI; GP DA RÚSSIA; SÓCHI;
Charles Leclerc mostrou boa performance com novo motor da Ferrari (Foto: Scuderia Ferrari)

Charles Leclerc, décimo: Leclerc vê melhora com novo motor em Sóchi, mas mostra cautela: “Difícil ultrapassar”

Sergio Pérez, 11º: “Acho que temos boas informações para a classificação de amanhã, quando não vamos poder rodar muito por causa da chuva, então hoje provavelmente foi nossa última chance de testar no seco antes da classificação. Acho que o carro tem potencial para este fim de semana, temos de garantir que vamos acertar. Acho que fui bem nos setores um e dois, mas existem algumas áreas a melhorar no terceiro. Podemos precisar de algumas mudanças no acerto para nos adaptarmos às condições climáticas antes da classificação, mas ainda têm muitas coisas interessantes para analisarmos nesta noite. Com Max começando lá atrás, será um desafio para a equipe e, obviamente, a Mercedes está muito forte aqui, mas tomara que possamos pressioná-los e nos classificarmos muito próximos deles. Isso seria o ideal”.

Kimi Räikkönen, 12º: “Foi um dia ok para voltar ao carro. Não me senti muito diferente de nenhuma outra vez e o trabalho que fizemos também não foi ruim. As coisas correram de maneira suave, as condições estavam ok, então conseguimos fazer nosso trabalho. As primeiras impressões foram ok, mas amanhã e domingo são quando realmente importa. A sensação com o carro é ok, mas vamos precisar ver o que acontece na classificação para sabermos onde estamos em comparação com os outros”.

George Russell, 13º: “Hoje foi um dia interessante. O carro pareceu bom, mas o ritmo não foi tão bom quando o carro parecia. Vamos analisar o motivo esta noite. No entanto, a sensação positiva definitivamente nos ajudou com o tanque cheio, e esperamos que isso nos beneficie se a pista estiver seca no domingo. Amanhã parece que pode chover, mas vamos torcer para que possamos rodar em algum momento, Nossa performance em Spa certamente nos dá mais confiança se for uma classificação no molhado, mas é uma pista com um estilo muito diferente e as condições são diferentes aqui em Sóchi, então vamos ter de trabalhar duro para conquistar um bom resultado. Se não chover no domingo, será interessante, já que o circuito estará muito verde depois da chuva e isso será complicado, então não vai ser um fim de semana simples”.

Antonio Giovinazzi, 14º: “As sessões estavam correndo bastante bem até o incidente. O TL1 não tão ruim e o TL2 foi uma melhora. No geral, foi um bom início de fim de semana. O vento estava bem forte, o carro saiu um pouco de frente na saída da curva, toquei a grama sintética na saída e perdi a traseira. Amanhã é outro dia, precisamos ver como será o clima e continuar nosso trabalho”.

Lance Stroll, 15º: “É bom voltar para a pista. Aprendemos bastante hoje e acho que há mais para vir do carro. A previsão do tempo sugere que a chuva será um fator amanhã. É uma experiência muito diferente guiar no molhado e nunca fizemos isso em Sóchi. Seria um desafio animador, estaremos preparados para a possibilidade. Vamos sair daqui hoje, revisar tudo que aprendemos e ver o clima guarda para o TL3 e a classificação”.

Nicholas Latifi, 16º: “Hoje foi um pouco complicado, mas fizemos boas melhorias de uma sessão para a outra, o que é importante. Ainda sinto que temos algumas coisas que podemos analisar essa noite para tentar melhorar o carro, e vou dar uma olhada nas mudanças que posso fazer no meu estilo de pilotagem para encontrar um pouco mais de tempo de volta. Embora a previsão de amanhã pode fazer com que muito do que fizemos hoje seja irrelevante, todos estarão na mesma posição e o que aprendemos hoje pode se tornar especialmente valioso se for seco no domingo”.

Daniel Ricciardo, 17º: Ricciardo vê sexta-feira “meio perdida” em Sóchi: “Temos trabalho de casa para fazer”

Yuki Tsunoda, 18º: “Até aqui, tive dificuldades com a aderência geral em geral aqui em Sóchi, mas consegui ganhar uma quilometragem importante no carro hoje, particularmente para domingo, já que achamos que a corrida pode ser no sol. Sabemos que o carro tem performance, então preciso olhar os dados nesta noite e ver como podemos melhorar para amanhã. Não sabemos o que vai acontecer com o clima, então precisamos estar o mais preparados possível para o TL3 e a classificação”.

Nikita Mazepin, 19º: “Amo Sóchi e acho que Sóchi me ama, pois quando chegamos aqui ontem, olhei a meteorologia e dizia que não seria muito bom, mas não há nada como o sol de Sóchi. Especialmente com esta pista, que é rápida e fluída, muito agradável de guiar em toda a volta. Não estava muito certo de como o carro pareceria, levando em conta que o equilíbrio pode ser diferente, mas é muito parecido com o ano passado e, embora esteja nos faltando downforce geral e ritmo, acho que ficamos próximos de extrair o que tínhamos. Completamos nosso plano para hoje e vamos ver que esperar de amanhã ― acho que não teremos sol como tivemos hoje”.

Mick Schumacher, 20º: “No geral, me senti bem confortável. Esta pista não é realmente usada no ano e isso significa que estava muito verde no início. Acho que, no geral, fizemos algumas coisas boas no carro, logo fiquei confortável, especialmente no TL2. Infelizmente, não consegui terminar a minha volta com o segundo conjunto [de pneus], mas sabemos o que temos nas mãos. No geral, é mais uma questão de conhecer melhor o carro em cada pista, especialmente aqui, onde tenho boas memórias da Fórmula 2, para converter isso em uma em uma performance positiva na F1 seria bom. Agora, é só uma questão de unir tudo”.

GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do GP da Rússia deste fim de semana AO VIVO e EM TEMPO REAL. O segundo treino livre está marcado para as 9h (de Brasília) da sexta-feira.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar