Confira declarações dos pilotos após sexta-feira de treinos do GP da Emília-Romanha

Valtteri Bottas liderou a sexta-feira de treinos livres para o GP da Emília-Romanha. Ímola foi bastante elogiada pelo grid da Fórmula 1 nesta sexta-feira

Os melhores momentos dos treinos livres da F1 em Ímola (Vídeo: GRANDE PRÊMIO com Reuters)

A sexta-feira (16) foi dedicada aos treinos livres para o GP da Emília-Romanha, a segunda etapa do Mundial de 2021 da Fórmula 1. A liderança ficou nas mãos do finlandês Valtteri Bottas, da Mercedes.

Ele foi seguido pelo heptacampeão mundial Lewis Hamilton, que ficou apenas 0s010 atrás do companheiro de equipe. O top-3 foi fechado de forma surpreendente pelo francês Pierre Gasly, da AlphaTauri. A dupla da Ferrari, com Carlos Sainz e Charles Leclerc, ficou logo atrás.

Já a Red Bull encerrou a tarde em baixa. Sergio Pérez foi apenas o sexto colocado, enquanto Max Verstappen sofreu uma quebra e foi 15º colocado.

Valtteri Bottas, o líder da sexta-feira (Foto: Mercedes)

Confira as declarações após a sexta-feira de treinos livres:

Valtteri Bottas, primeiro: Bottas se diz “mais feliz com o carro que há três semanas”, mas lembra: “Não está perfeito”

Lewis Hamilton, segundo: HamiltonÍmola “mais afeita” à Mercedes, mas diz: “Não vimos o melhor da Red Bull”

Pierre Gasly, terceiro: Gasly vê “dia bem-sucedido” após top-3 e projeta melhor ritmo para classificação

Carlos Sainz, quarto: Em Ímola, Leclerc e Sainz destacam Ferrari “mais competitiva do que no Bahrein”

Charles Leclerc, quinto: Em Ímola, Leclerc e Sainz destacam Ferrari “mais competitiva do que no Bahrein”

Sergio Pérez, sexto: Pérez crê em Red Bull “com ritmo de corrida forte” após aprendizado em Ímola

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Yuki Tsunoda não é novato em Ímola (Foto: Red Bull Content Pool)

Yuki Tsunoda, sétimo: “Eu não consegui completar muitas voltas durante o TL1 por conta de um problema. Só dei quatro voltas rápidas no total, mas o carro estava bom. O time consertou o problema durante o intervalo e consegui ter ritmo no TL2 assim que consegui andar mais. Eu espero conseguir melhorar novamente no treino livre antes da classificação. Completei muitas voltas aqui na pré-temporada, mas eu acho que ainda consegui ganhar muito das sessões hoje. Eu particularmente aprendi sobre gerenciamento dos pneus, então tenho muitos dados dos macios que posso analisar”.

Lando Norris, oitavo: “Dia complicado, foi tudo muito bagunçado. Não necessariamente da nossa parte por conta das bandeiras amarelas, vermelhas e coisas assim. Tiveram problemas com rádio e coisa que não foram nossa culpa, mas foi uma sessão frenética. Muitas coisas a serem trabalhadas antes de amanhã. Eu não diria que não estamos confiantes como semanas atrás, mas eu acho que podemos melhorar algumas coisas até a amanhã para deixar o carro mais legal de pilotar, mais confortável, e que me dê mais confiança. Não acho que estamos em posição ruim, mas temos um pouco de trabalho a fazer.”

Antonio Giovinazzi, nono: “Começamos bem o fim de semana. O TL1 foi uma boa sessão, um pouco comprometida pelos problemas de rádio e dados, mas isso vale para todos. Fiquei muito feliz com o carro no TL2, tanto em stint curto quanto longo. Precisamos ajustar algumas coisas para tornar o carro ainda melhor para a classificação, que sabemos que será apertada, ainda mais do que no Bahrein. Difícil dizer onde esperamos estar, uma pequena diferença entre voltas cria uma grande diferença. Precisamos dar uma volta perfeito na classificação.”

Lance Stroll, décimo: “É muito bom estar de volta em Ímola porque é um circuito incrível. É realmente satisfatório de pilotar, especialmente a forma que você ataca o circuito e usa as zebras. Me lembra dos dias de kart. Eu diria que é um circuito à moda antiga, te pune pelos erros, e acho que é por isso que os pilotos gostam tanto. É bem diferente do Bahrein, e o carro é diferente como resultado disso, mas me sinto bem e hoje completamos trabalho importante. Agora temos muita informação a analisar neste fim de semana, mas foi um começo empolgante ao fim de semana”.

Esteban Ocon, 11º: “Começamos de maneira positiva neste fim de semana, mesmo com o incidente da manhã. Felizmente para Sergio e eu, não perdemos muito tempo de pista, o que é muito importante nestas sessões de 60 minutos. O acidente foi uma infelicidade, mas colocamos no passado já durante a tarde. Os mecânicos fizeram um grande trabalho para o carro ser ligado a tempo do TL2, então agradeço a eles pelo trabalho sólido e rápido. Creio que temos uma base firme para trabalhar. Ainda precisamos de algumas mudanças no equilíbrio, mas o carro se comporta bem e estou ansioso para acelerá-lo durante os próximos dois dias.”

Nicholas Latifi, 12º: “Acho que foi um dia muito positivo. Na maior parte do tempo, corremos sem problemas e conseguimos cumprir o plano de corrida de maneira bem suave. Eu esperava sentir que o carro estivesse muito melhor do que no Bahrein, e foi melhor do que o esperado. Ainda temos muito trabalho a fazer, você não ganha nada por ter uma sexta-feira forte. Amanhã à tarde é o que conta, mas estamos nos preparando muito bem para ter um sábado e um domingo fortes”.

Nicholas Latifi surpreendeu no TL2 (Foto: Williams)

Fernando Alonso, 13º: Alonso Alpine%20e%20vibra%20com%20retorno%20%C3%A0%20pista%20de%20%C3%8Dmola">vê “avanço de desempenho” da Alpine e vibra com retorno à pista de Ímola

Max Verstappen, 14º: Verstappen explica falha no eixo de transmissão e alerta: “Nada pode quebrar”

Sebastian Vettel, 15º: Vettel vê “pequenas melhoras” da Aston Martin e diz que sente carro mais sob controle

George Russell, 16º:  “Como equipe, estamos parecendo relativamente rápidos, mas pessoalmente estou um pouco fora do ritmo. Nicholas está dirigindo muito bem, provavelmente o melhor que já o vi dirigir. Preciso melhorar um pouco para fechar a lacuna para nossos concorrentes e para Nicholas. Como equipe, estamos em uma boa posição, temos muitos dados para revisar, mas tenho certeza de que meus engenheiros e eu podemos descobrir”.

Kimi Räikkönen, 17º: “Não foi um dia ruim para nós, mesmo que a tabela não mostre isso. Não conseguimos acertar uma volta nos stints curtos, então não estou preocupado. Vamos ver o que conseguimos fazer amanhã. Existem coisas que podemos melhorar de noite, como sempre. Esperamos tirar mais performance do carro. O objetivo é o mesmo, de não cair no Q1 e buscar pelo lugar mais alto possível.”

Daniel Ricciardo, 18º: “É realmente legal voltar a esta pista. É bem incrível. O dia em si foi difícil. Temos defintivamente muitas coisas a trabalhar durante a noite para tirar mais do carro. Foi um dia desafiador, mas temos uma sessão amanhã para resolver as coisas antes da classificação. Vamos tentar melhorar os problemas hoje e nos colocar em boa posição para amanhã.”

Mick Schumacher, 19º: “Foi divertido, me senti muito bem lá hoje. A pista não mudou muito desde 2016, o que foi positivo. Em termos de sentimento e de diversão, foi definitivamente semelhante à minha última visita aqui naquela época. As condições mais frias hoje significam que poderíamos empurrar muito mais, o que tem aspectos positivos e negativos. O negativo é que é uma temperatura fria e leva séculos para aquecer os pneus. Às vezes, mesmo em longas corridas, é difícil obter as temperaturas lá e, por isso, mantê-las se torna ainda mais complicado. Como positivo, significa muitas voltas, posso tentar muitas coisas de imediato, especialmente com o pneu C2. Consegui realmente descobrir o limite, especialmente no TL2, e melhorar a cada volta no C4. A primeira volta foi um aquecimento, depois passamos pela corrida e melhoramos. Por enquanto, estamos muito felizes, mas isso realmente só conta na qualificação.”

Nikita Mazepin, 20º: “Acho que tivemos um dia positivo – realmente aprendi muito sobre o carro. Acho que dei mais um bom passo em frente com a equipe em termos de entender que carro quero dirigir. Tive um bom tempo de volta em TL1, foi uma boa simulação de qualificação, fiquei feliz com isso. Então cometi um erro que não tem resposta, mas no geral foi um TL1 positivo e, então, este TL2. Eu não estou deixando nada sobre a mesa lá fora. Eu não gostaria de dormir pensando que deixei algum tempo lá fora. Há um equilíbrio, é claro, que ainda não dominei, mas temos tempo. Todos os olhos estão no TL3 agora – o fim de semana progride e eu tenho que continuar progredindo com ele também.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube