F1

Confira voltas mais rápidas de cada piloto durante GP da Áustria de F1

Max Verstappen foi quase perfeito neste domingo (30) na Áustria e, além da vitória na esteira de grandiosa atuação, também saiu do Red Bull Ring com a volta mais rápida da corrida. Chama a atenção a performance da Mercedes, muito abaixo do que vinha sendo nas últimas provas

Grande Prêmio / Redação GP, de Sumaré
A atuação de cinema de Max Verstappen foi coroada com a grandiosa vitória no GP da Áustria deste domingo (30), cujo resultado só foi confirmado de forma oficial pouco mais de três horas depois da bandeirada. E para completar a jornada quase perfeita, o holandês cravou também a volta mais rápida da nona etapa da temporada 2019 da F1.
 
Na volta 60, o piloto da Red Bull cravou 1min07s475. Dois giros depois, quem mais chegou perto foi Sebastian Vettel, que vinha com uma performance muito boa com os pneus macios na parte final da prova. O alemão, contudo, ficou 0s201 atrás. Assim, Max saiu com os 25 pontos da vitória e mais 1 extra em razão da volta mais rápida da corrida.
Max Verstappen teve atuação marcante no Red Bull Ring (Foto: Getty Images/Red Bull Content Pool)
Charles Leclerc, que foi ultrapassado por Verstappen na volta 69, ficou com a terceira melhor marca da prova, registrada no giro 58. Mas o monegasco terminou com seu melhor tempo 0s519 mais lento em relação ao holandês. 
 
A Renault foi novamente mal durante a corrida e zerou neste domingo no Red Bull Ring. No entanto, Daniel Ricciardo conseguiu finalizar a jornada com a quarta melhor volta da prova, com Lewis Hamilton, de uma Mercedes que sofreu muito com o forte calor, em quinto. 
 
Em sexto, aparece um dos grandes destaques da corrida: Carlos Sainz, na esteira de uma fantástica prova de recuperação depois de ter largado em 19º e terminar em oitavo, finalizou com a sexta volta mais rápida da disputa, feita no giro 53. O melhor tempo de Sainz foi 0s642 mais lento em relação a Verstappen.
 
Valtteri Bottas, com outra atuação opaca na temporada com a Mercedes, Lando Norris, novamente bem com a McLaren, Pierre Gasly — outro que fez uma corrida bem abaixo do potencial da Red Bull — e Kevin Magnussen, da Haas, completaram a lista dos dez primeiros.

F1 2019, GP da Áustria, Red Bull Ring, voltas mais rápidas:

1 M VERSTAPPEN Red Bull Honda 1:07.475   60
2 S VETTEL Ferrari 1:07.676 +0.201 62
3 C LECLERC Ferrari 1:07.994 +0.519 58
4 D RICCIARDO Renault 1:08.019 +0.544 65
5 L HAMILTON Mercedes 1:08.050 +0.575 69
6 C SAINZ JR McLaren Renault 1:08.117 +0.642 53
7 V BOTTAS Mercedes 1:08.565 +1.090 53
8 L NORRIS McLaren Renault 1:08.699 +1.224 69
9 P GASLY Red Bull Honda 1:08.790 +1.315 63
10 K MAGNUSSEN Haas Ferrari 1:08.903 +1.428 69
11 A ALBON Toro Rosso Honda 1:08.946 +1.471 59
12 R GROSJEAN Haas Ferrari 1:08.987 +1.512 56
13 A GIOVINAZZI Alfa Romeo Ferrari 1:09.051 +1.576 57
14 S PÉREZ Racing Point Mercedes 1:09.061 +1.586 67
15 K RÄIKKÖNEN Alfa Romeo Ferrari 1:09.126 +1.651 57
16 N HÜLKENBERG Renault 1:09.248 +1.773 59
17 L STROLL Racing Point Mercedes 1:09.288 +1.813 57
18 D KVYAT Toro Rosso Honda 1:09.498 +2.023 58
19 G RUSSELL Williams Mercedes 1:09.926 +2.451 52
20 R KUBICA Williams Mercedes 1:10.964 +3.489 55


Paddockast #23
Lágimas em Le Mans




Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.