Hill diz que Verstappen forçou acidente em Monza: “Sabia que não ia passar Hamilton”

Damon Hill sente que Max Verstappen, mesmo que inconscientemente, quis causar um acidente em Monza. O holandês se enroscou com Lewis Hamilton e os dois abandonaram

Lewis Hamilton e Max Verstappen bateram no incrível GP da Itália (Vídeo: Reprodução/TV)

Damon Hill concorda que Max Verstappen é o culpado pelo acidente com Lewis Hamilton no GP da Itália do último fim de semana. O campeão de 1996 aproveitou para emendar com uma afirmação controversa: o holandês, mesmo que de forma inconsciente, preferiu acabar com a corrida dos dois para não perder terreno na briga pelo título da Fórmula 1.

“Ele [Verstappen] até poderia ficar atrás e tentar algo depois, mas ele também pensou que teve sorte demais de estar à frente”, disse Hill, participando do podcast F1 Nation. “Eles [Red Bull] foram para Monza sabendo que essa era uma pista da Mercedes. Eles provavelmente pensaram que iam perder pontos e acabaram dando sorte. Ele largou da pole, mas começou a se perder e viu que o Lewis estava à frente. Ele sabia que, se o Lewis ficasse à frente, as chances de recuperar posição eram nulas. Ele pensou que não podia deixar isso acontecer, mesmo que não tenha sido algo consciente”, seguiu.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Max Verstappen foi alvo de críticas após o acidente em Monza (Foto: Red Bull Pool Content/Getty Images)

“Eu tenho a sensação de que nenhum dos dois está disposto a dizer ‘ok, essa eu vou deixar passar’. Talvez o Lewis tenha deixado passar na curva 1, porque ele tentou uma manobra otimista e pulou fora quando não funcionou. Com o Max, eu tenho a sensação de que ele poderia deixar passar. Ele tentou vir por fora, mas o Lewis estava à frente”, destacou.

Ao forçar a barra, Verstappen tocou Hamilton. O holandês foi catapultado e terminou estacionado acima do carro do britânico, que deu sorte de escapar ileso. Os dois abandonaram, o que mantém Max líder da F1 por 5 pontos de vantagem.

Hill, curiosamente, tem experiência com acidente importante em Monza. O britânico bateu em Michael Schumacher no GP da Itália e causou o acidente dos dois. Ao que consta, por erro puro na segunda chicane. Naquele ano, o alemão levou o bicampeonato até com alguma facilidade.

O GP da Itália terminou com vitória de Daniel Ricciardo, que já liderava antes mesmo do toque entre Hamilton e Verstappen. Foi o primeiro triunfo do australiano desde 2018, e o primeiro da McLaren desde 2012.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar