Diretor da Pirelli prevê estratégia de apenas uma parada durante GP dos Estados Unidos

Temperatura abaixo do esperado e a escolha dos compostos vão ajudar as equipes na escolha da estratégia para a prova deste final de semana

Os pneus desenvolvidos pela Pirelli para esta temporada da F1 são conhecidos por se degradarem muito durante as provas, o que causa uma drástica mudança no desempenho dos pilotos dependendo da estratégia adotada. Mas o final de semana em Austin tem tudo para ser diferente.

Paul Hembery, diretor da fornecedora italiana, confirmou que os pneus se comportaram muito bem nas duas sessões de treinos realizadas nesta sexta-feira (16) e ele prevê um final de semana bem econômico do ponto de vista dos compostos. “Não há absolutamente nenhuma degradação. Nada”, disse o dirigente.

Pirelli afirma que pilotos devem fazer apenas uma parada no GP dos Estados Unidos (Foto: Getty Images)

"Há um risco de os pneus superaquecerem caso os pilotos deixem eles patinarem demais, mas isso é algo em que eles administraram durante toda a temporada. Não haverá o desgaste como em pistas recentes e o pneu pode durar, provavelmente, todo final de semana”, completou.

Mesmo com a melhora da pista e a probabilidade de um final de semana bem quente, Hembery acredita em apenas uma parada para a prova que acontece neste domingo (18). “As temperaturas mais baixas e os pneus mais duros são fatores que ajudaram. Vai ser mais interessante quando tivermos mais corridas disputadas”, explicou.

“As temperaturas são mais baixas do que o previsto. Com base nas previsões que tínhamos, nós pensamos que a temperatura da pista estaria na casa dos 40ºC. Então, partindo deste ponto de vista, tem sido um grande diferencial. Mas parece que teremos apenas uma parada [mesmo se os fatores mudarem]”, completou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube