Diretor da Renault aposta em diminuição da diferença da ‘F1 B’ para principais equipes em 2019

Marcin Budkowski, diretor executivo da Renault, acha que as especificações de regulamento para a F1 em 2019 deixarão a diferença entre Ferrari, Mercedes e Red Bull para o resto do grid menor.

Em busca de desempenho, a Renault "mudou tudo, menos o sistema de direção", dentro da aerodinâmica do carro para 2019.  Marcin Budkowski, diretor executivo da equipe francesa, tem influência direta nisso. E acredita, também, que a diferença de performance para a 'F1 A', formada por Ferrari, Mercedes e Red Bull, vai cair.

Segundo o dirigente, esse pensamento tem ligação com a mudança de regulamento da F1 em termos de aerodinâmica para a nova temporada. Todas as equipes t~em que desenvolver um novo modelo por causa de alterações em busca do aumento de ultrapassagens na pista por parte da FIA.

Budkowski assume que a própria Renault perdeu um pouco de desempenho graças a esta mudança, mas que acredita que o top-3 da categoria sofrerá mais.

Nico Hülkenberg (Foto: Renault)

"Não vou contar exatamente como estamos, mas a perda de downforce foi significaitiva no começo sim. É difícil dizer se foi mais significativa para nós ou para as outras, mas pessoalmente acredito que foi pior para as equipes maiores, melhores", opinou, em entrevista ao 'Motorsport'.

Segundo ele, há relação direta com o fato de que as três principais possuíam carros mais rápidos: "Então eles tinham carros mais otimizados. Tudo estava mais pronto, no tom certo. Eles terão que dar um passo atrás. Mas eles também são melhores na recuperação, porque possuem mais dinheiro, maiores estruturas", ponderou.

"Além disso, o entendimento que eles construíram para alcançar aquele nível ainda está lá, então podem utilizá-lo para melhorar o desempenho no futuro. É difícil dizer quem deu o maior passo atrás, mas eu sinto que diminuímos a diferença para o topo por causa das mudanças no regulamento, mais restritivas", completou.

A Renault, inclusive, foi a "melhor do resto" em 2018, ficando em quarto lugar no Mundial de Construtores.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube