Dono da Lotus reconhece que ainda não quitou dívida com Räikkönen referente a 2013

Gerard López disse que parte do pagamento ao finlandês já foi feito depois de um acordo no GP de Abu Dhabi, mas ainda falta quitar. Enquanto isso, o piloto visitou a fábrica da Ferrari em Maranello

Kimi Räikkönen será obrigado a economizar nas comemorações de Natal em 2013. Mesmo depois de trocar a Lotus pela Ferrari para a próxima temporada, o finlandês ainda não recebeu tudo o que a equipe inglesa lhe deve, é o que disse o dono da Genii – proprietária do time –, Gerard López.

O dirigente afirmou que já pagou uma parte do que deve ao antigo piloto do time, mas ainda está faltando quitar a dívida. López também reclamou das cifras elevadas que foram publicadas recentemente.

Gerard López e Eric Boullier (Foto: Andrew Ferraro/Lotus)

“Não quitamos totalmente”, admitiu à emissora finlandesa ‘MTV3’. “Parte dela, sim. Nós chegamos a um acordo de pagamento em Abu Dhabi. Houve alguns atrasos, mas a quantia que tenho ouvido é completamente ridícula. Não vou entrar em detalhes, além de dizer que o quanto devemos não é muito. Vamos pagar, assim como sempre fizemos”, declarou.

Sem Räikkönen, o time de Enstone vem passando por uma séria crise financeira. Ao longo de 2013, a escuderia esperou para assinar contrato com o grupo de investimento árabe Quantum, mas o acordo ainda não foi consumado. Para tentar reverter o quadro, a Lotus trouxe Pastor Maldonado – e o dinheiro da PDVSA – para a vaga em aberto.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube