Dono da Red Bull, Mateschitz garante que não impediria eventual saída de Vettel para Ferrari

Ao ser questionado sobre a possibilidade de ver seu pupilo Sebastian Vettel desejar uma mudança para a Ferrari, Dietrich Mateschitz entende que isso pode acontecer e que não colocaria barreiras para uma eventual transferência do alemão para Maranello

Temporada vai, temporada vem, mas um dos principais rumores que envolve a F1 apresenta suas facetas aqui e ali. Sebastian Vettel, que tem contrato com a Red Bull pelo menos até o fim da próxima temporada, teve inúmeras vezes seu nome ligado à Ferrari e, por mais que a escuderia italiana negue que irá contratá-lo e que o piloto afirme que está feliz em Milton Keynes, as especulações sobre o tema estão longe do fim.

Desta vez, quem falou sobre o tema foi Dietrich Mateschitz, nada menos que o dono da Red Bull. Questionado pelo diário austríaco ‘Kleine Zeitung’ a respeito da eventual ida de Vettel para a Ferrari, o bilionário do ramo dos energéticos surpreendeu ao dizer que não ofereceria obstáculos para a negociação, mas procurou amenizar o rumor ao dizer que “agora isso não é problema”.

Mateschitz garantiu que Vettel não terá problemas se quiser deixar a Red Bull (Foto: Mark Thompson/Getty Images)

“Se ele não quisesse trabalhar conosco, não faria muito sentido tentar mantê-lo apenas por causa da força de um contrato”, comentou o dono da Red Bull. ”Se eu fosse um piloto de F1, meu desejo seria, certamente, me tornar piloto da Ferrari. Mas agora isso não é problema”, disse ‘Didi’ Mateschitz.

O empresário também falou sobre outro tema que está sempre em evidência: a igualdade entre Vettel e Mark Webber na Red Bull. Mateschitz garantiu que não há dúvidas de que ambos os pilotos têm as mesmas condições de realizar um bom trabalho e aproveitou para, mais uma vez, elogiar Mark Webber, cada vez mais prestigiado em Milton Keynes.

“Em algumas corridas ele pode mostrar todo o seu potencial. É difícil para ele lutar contra Sebastian, mas a equipe garante equipamento e tratamento igual para ambos os pilotos”, destacou Mateschitz, feliz por contar com uma dupla de pilotos tão forte. “Quando Mark está em sua melhor forma, é ainda mais difícil para Sebastian batê-lo. Temos a sorte de termos dois verdadeiros número 1”, finalizou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube