Ecclestone se acerta com dirigentes do GP de Cingapura e prova continua no calendário até 2017

Sem falar de dinheiro ou da noite anterior, o cavalheiro Bernie Ecclestone riu da demora na negociação e disse que precisou explicar à organização da prova asiática que a F1 não corre de graça

O GP de Cingapura está garantido no calendário do Mundial de F1 por mais cinco anos. Pelo menos até 2017, a corrida que entrou para a história como a primeira disputada após o anoitecer receberá o circo em um dos eventos mais luxuosos do campeonato.

Apesar dos rumores de que a organização da prova não estaria disposta a pagar a elevada taxa cobrada por Bernie Ecclestone, o todo-poderoso da F1, o novo acordo foi anunciado neste sábado (22). A corrida de 2013 está prevista para exatamente daqui a um ano, de acordo com o calendário provisório da próxima temporada.

O GP de Cingapura é disputado desde 2008 (Foto: Caterham/ Steven Tee/LAT Photographic)

Ao revelar o novo contrato, Ecclestone afirmou que “todos gostam de estar aqui, o que tornou difícil negociar. Mas estaremos aqui por mais cinco anos”.

O que o dirigente não quis fazer foi comentar os termos do contrato. “Eu sempre penso que este tipo de pergunta não deve ser respondida”, ironizou. “Um cavalheiro nunca deve falar sobre dinheiro ou sobre a noite anterior”, disparou o polêmico britânico.

Sempre irreverente, o bom velhinho ainda brincou com a situação e disse que, durante o processo de negociações, “o mais difícil foi explicar que nós não corremos de graça”.

Ministro do comércio, da indústria e da educação de Cingapura, S Iswaran disse que espera reduzir, nos próximos anos, os custos com os quais o governo é obrigado a arcar para a realização do evento.

A primeira edição do GP de Cingapura aconteceu em 2008 e serviu de palco para a festa do 800º GP da história da categoria. A prova vencida por Fernando Alonso, à época, da Renault, e marcada pelo escândalo do ‘Crashgate’, que envolveu seu companheiro de equipe, Nelsinho Piquet e os dirigentes Flavio Briatore e Pat Symonds.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube