F1

Em “dia normal”, Hamilton vê carro da Mercedes melhor que no México, mas “complicado de pilotar”

Não foi um dia de grandes emoções para os pilotos da Mercedes em Interlagos: Lewis Hamilton, já campeão, analisou as mudanças do carro em relação ao GP do México; já Valtteri Bottas afirmou que teve dificuldades pela manhã, mas liderou o TL2
Warm Up, de São Paulo / FELIPE NORONHA, de Interlagos
 Lewis Hamilton (Foto: Mercedes/Twitter)

A Mercedes teve um "dia tranquilo" nesta sexta-feira (9), nas palavras de Lewis Hamilton. Na primeira sessão, pela manhã, o campeão do mundo andou no top-3; já na segunda, Bottas liderou.

Desta forma, ambos focaram em pontos diferentes ao comentar o dia. O britânico, por exemplo, citou que viu melhorias do carro da Mercedes em relação ao último GP.

"Fizemos tudo que queríamos. Senti o carro melhor do que no México, mas ainda precisamos trabalhar em alguns problemas", disse Hamilton.
Lewis Hamilton (Foto: Mercedes/Twitter)
"O ritmo não parece ruim, então temos que continuar trabalhando para melhorá-lo. No TL2 estava ventando um pouco, então principalmente nas curvas isso gerava problemas. Isso significa que o carro, na verdade, estava complicado de ser pilotado", seguiu. 

Ele também comentou a possibilidade de que chova durante o treino de classificação no sábado (10): "Está previsto, mas eu amo pilotar na chuva, então não será problema."

"Está bem apertado lá na frente, mas acho que há mais potencial escondido em nosso carro, então temos que aproveitá-lo ao máximo", finalizou o penta.
Valtteri Bottas (Foto: Mercedes/Twitter)
Já Bottas afirmou que teve dificuldades pela manhã: "Foi fácil de cometer erros. Abortei algumas voltas, foi difícil de encontrar um bom ritmo."

"Mas melhoramos pela tarde e encontrei esse ritmo", seguiu - ele foi o líder do TL2. "A pista é curta, então a margem de erros é pequena", finalizou.

GRANDE PRÊMIO cobre ‘in loco’ o GP do Brasil de F1 com os repórteres Evelyn Guimarães, Felipe Noronha, Fernando Silva, Gabriel Curty, Juliana Tesser, Nathalia De Vivo e Pedro Henrique Marum, e o fotógrafo Rodrigo Berton. Acompanhe tudo aqui.