carregando
F1

Em meio a crise, FIA flexibiliza regras da F1 em 2020 e oficializa veto ao DAS para 2021

Para reagir aos problemas colocados pela pandemia do coronavírus, a FIA oficializou um pacote de mudanças para a temporada 2020 da Fórmula 1. Fim da necessidade de unanimidade para alterações, interrupção do desenvolvimento para 2022 e possibilidade de modificar o calendário são os principais tópicos

Grande Prêmio / Redação GP, de Campinas
O Conselho Mundial do Esporte a Motor aprovou, nesta terça-feira (31), um pacote de mudanças para reagir aos problemas colocados pela pandemia do coronavírus.
 
A FIA recebeu vários pedidos nas últimas semanas para adiamentos e cancelamentos de eventos do calendário. Para evitar demora nas decisões, o Conselho concedeu uma delegação de autoridade ao presidente da entidade, Jean Todt, para que qualquer decisão possa ser tomada em caso de urgência.
 
O regulamento esportivo de 2020 da F1 foi alterado por questões de flexibilidade. Entre as principais mudanças estão a possibilidade de ter 60% dos votos para introduzir alterações, ao contrário da unanimidade requerida anteriormente, além do poder de modificar o calendário da temporada sem votos dos times.
Valtteri Bottas (Foto: Reprodução/F1)
Outro ponto importante da mudança é em relação ao desenvolvimento dos carros para a temporada 2022, que terá o novo regulamento da categoria. Os times foram proibidos de desenvolver a parte aerodinâmica dos carros até o fim do ano. Um teste durante a temporada, para analisar os pneus de 18 polegadas, foram descartados.
 
O Conselho também determinou que os motores serão limitados a duas unidades caso o campeonato tenha 14 corridas ou menos, ao contrário dos três permitidos na temporada completa. Foi oficializado também o fechamento obrigatório das fábricas em abril.
 
O controverso sistema de Direção de Eixo Duplo, o DAS, introduzido pela Mercedes durante a pré-temporada em Barcelona, está banido para a temporada 2021.
 
A F1 está prevista para começar em 14 de junho com o GP do Canadá. As primeiras oito etapas do campeonato foram movidas da data original por conta da pandemia do coronavírus.
 
Paddockast #54
NO ANO DA DANÇA DAS CADEIRAS, QUEM DEVE FICAR SEM CONTRATO?


Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.