Em Silverstone, Massa iguala marca de Senna e lidera GP de F1 pelo décimo ano consecutivo

Mesmo longe das vitórias desde 2008, Felipe Massa vem conseguindo liderar corridas aqui e ali. No GP da Inglaterra, o brasileiro comandou a prova nas 19 primeiras voltas, chegando assim a dez anos seguidos completando ao menos um giro na liderança, igualando a marca de Ayrton Senna. O líder da estatística é Michael Schumacher

Felipe Massa não escondeu a frustração por ver escapar uma grande chance de ir ao pódio do GP da Inglaterra, no último domingo (5). O brasileiro foi o grande protagonista do início da corrida em Silverstone, onde fez excepcional largada e pulou de terceiro para primeiro, superando as Mercedes de Lewis Hamilton e Nico Rosberg. Felipe liderou a corrida por 19 voltas antes do seu primeiro pit-stop. O suficiente para igualar uma marca estabelecida por Ayrton Senna há 21 anos.

Por ter liderado em Silverstone, Massa chegou ao seu décimo ano consecutivo tendo liderado ao menos uma corrida na temporada. A sua sequência iniciou em 2006, no ano em que fez sua estreia como titular da Ferrari. Foram nada menos que 154 voltas, liderando em quatro oportunidades e culminando com a vitória em Interlagos.

Felipe Massa e Valtteri Bottas assumiram a ponta da corrida na primeira volta em Silverstone (Foto: Beto Issa)

Os melhores anos de Massa foram em 2007 e 2008. Foram exatas 300 voltas na frente em 2007, e incríveis 363 giros na frente na temporada que lhe deu o vice-campeonato mundial. Já em 2009, ao em que sofreu o mais grave acidente da carreira, o que acabou por abreviar sua participação naquela temporada, foram apenas seis voltas na liderança.

Em 2010, Massa teve grandíssima performance no GP da Alemanha, quando liderou por 40 voltas, até que a Ferrari ordenou que cedesse a liderança para Fernando Alonso, justamente no dia em que completava um ano do seu acidente na Hungria. Depois disso, Felipe ainda liderou duas voltas no GP da Itália. Nas três temporadas seguintes, o brasileiro liderou de forma ocasional: nove voltas em 2011, apenas uma em 2012 e sete em 2013.

Sua performance melhorou consideravelmente quando se transferiu para a Williams. No ano passado, Felipe ponteou 30 voltas. Já neste ano, o piloto do carro #19 somou exatas 19 voltas na frente do último GP da Inglaterra.

Ayrton Senna acumulou sua sequência de dez anos liderando ao menos uma corrida na F1 entre 1985 e 1994. Massa igualou esta marca e agora ocupa o sexto lugar geral na estatística, atrás de David Coulthard (1994 a 2003) e Senna, que estabeleceram suas respectivas sequências antes. Alain Prost com 11 anos seguidos liderando ao menos uma corrida na F1, é o terceiro da lista, com Fernando Alonso em segundo, com 12.

O grande líder é Michael Schumacher, detentor de praticamente todos os recordes de performance da F1, com 15 anos consecutivos liderando corridas, entre 1992 e 2006.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube