F1

Ex-Toro Rosso, Pujolar é contratado pela Sauber e assume chefia de engenharia de pista a partir do GP de Cingapura

A Sauber anunciou a contratação do espanhol Xevi Pujolar para o cargo de chefe da engenharia de pista. Este é o primeiro grande nome que a equipe chama depois do investimento da Longbow. Pujolar estava na Toro Rosso e foi engenheiro de Max Verstappen
Warm Up / Redação GP, de Curitiba
 Xevi Pujolar é engenheiro de pista de Max Verstappen na Toro Rosso (Foto: Toro Ross)

A Sauber anunciou nesta terça-feira (23) a primeira grande contratação depois de que passou ter novos proprietários. Trata-se de Xevi Pujolar, que foi engenheiro de Max Verstappen durante a passagem do jovem pela Toro Rosso. O profissional se desligou da equipe de Faenza em maio, por divergências com a cúpula do time do italiano.
 
Agora, o espanhol de 43 anos vai iniciar um novo ciclo em sua carreira. O time suíço confirmou que o engenheiro já começou os trabalhos na sede, em Hinwil, logo após as férias obrigatórias do verão europeu.
 
Pujolar tem grande experiência na F1, tendo trabalhado anteriormente nas extintas Jaguar e Hispania — aqui ocupou a posição de engenheiro de pista de Bruno Senna —, além da Williams, onde esteve ao lado do venezuelano Pastor Maldonado. Na Toro Rosso, Xevi entrou na temporada 2013, fazendo parte da equipe de Jean-Éric Vergne e, mais tarde, de Verstappen.
Xevi Pujolar FOI engenheiro de pista de Max Verstappen na Toro Rosso (Foto: Toro Rosso)

A partir de agora, o catalão vai assumir o cargo de chefe de engenharia de pista na Sauber. E a primeira aparição no pit-wall está marcada para o GP de Cingapura, no próximo mês.
 
A equipe chefiada por Monisha Kaltenborn também confirmou que Paul Russell, que vinha ocupando o cargo interinamente, vai retornar a sua posição de origem, o de chefe de desempenho. A nomeação do engenheiro veio um mês após a Sauber ter assegurado o futuro a longo prazo na F1 após a venda para o gripo de investimentos Longbow Finance.
PADDOCK GP #42 RECEBE LUCAS DI GRASSI