“Fantástico”: Hamilton comemora 2° lugar em Sóchi contra “modo jato” da Ferrari

Lewis Hamilton se colocou entre as Ferrari de Charles Leclerc (pole) e Sebastian Vettel (terceiro) no grid de largada em Sóchi. E comemorou, pois não via a Mercedes com capacidade de alcançar a força da rival

O favoritismo era da Ferrari no treino de classificação em Sóchi neste sábado (28) – e de fato Charles Leclerc garantiu a pole-position. Mas Lewis Hamilton quebrou não só a dobradinha da rival, como também a celebração no rádio do monegasco, que ouviu de seus chefes que Sebastian Vettel era o P2. Nada disso.

O britânico arrancou a segunda colocação no grid para o GP da Rússia do próximo domingo com 1min32s032, a 0s402 de Leclerc, mas 0s425 melhor que Vettel. E, falando em rádio, ele sim pôde comemorar ainda dentro do carro: "Fantástico! Obrigado pelo grande trabalho, caras."

Após o treino, Hamilton deixou claro que não esperava largar na primeira fila: "Foi uma classificação dura porque eles (a Ferrari) têm uma velocidade maluca nas retas. Eles estão em outro nível – modo jato."

Charles Leclerc e Lewis Hamilton (Foto: AFP)
Paddockast #35
NARRAÇÕES INESQUECÍVEIS E UM CURIOSO AMOR

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

"Dei tudo o possível no final e estou muito feliz que deu certo. Não esperava essa primeira fila, estou realmente feliz", seguiu.

Para o #44, a Mercedes ainda precisa "tentar algo" para conseguir competir com a Ferrari: "Por causa dessa potência deles. Acho que a equipe, porém, fez um bom trabalho para nos colocar nesta posição", completou.

GRANDE PRÊMIO acompanha AO VIVO e em TEMPO REAL todo o fim de semana do GP da Rússia de F1. Siga tudo aqui.


 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube