No top-10, Alonso e Ocon aprovam “boa base” da Alpine em sexta-feira de treinos em Spa

Fernando Alonso acredita que a Alpine pode se dar bem na classificação se houver pista seca. Já Esteban Ocon, o mais recente vencedor da Fórmula 1, entende que a equipe pode repetir a grande performance exibida no ano passado em Spa-Francorchamps

Vìdeo mostra como Alonso enxerga uma volta em circuito de Spa-Francorchamps (Vídeo: F1)

De volta das férias de verão após quatro semanas de pausa, a Alpine começou bem o fim de semana do GP da Bélgica e ainda embalada pelo triunfo surpreendente de Esteban Ocon no GP da Hungria, no começo de agosto. Tanto o francês como Fernando Alonso concluíram a sexta-feira (27) de treinos livres em Spa-Francorchamps na lista dos dez primeiros. Fernando Alonso foi o quarto melhor colocado na soma dos tempos das duas sessões, enquanto Ocon foi o sétimo mais rápido.

O bicampeão do mundo, que na última quinta-feira anunciou a extensão do seu contrato até 2022 com a Alpine, virou 1min44s953 na sua melhor passagem, com apenas 0s481 de atraso para a volta mais rápida do dia, estabelecida por Max Verstappen, da Red Bull, com 1min44s472. Esteban, por sua vez, também foi bem e marcou 1min45s302, sétimo mais rápido do combinado dos dois treinos, a 0s830 da marca registrada pelo holandês.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

A Alpine deixou ótima impressão nesta sexta-feira em Spa (Foto: Alpine)

LEIA TAMBÉM
+Red Bull renova e mantém Pérez ao lado de Verstappen para temporada 2022 da F1
+Mick presta homenagem e usa capacete em alusão à estreia de Michael Schumacher na F1
+Aston Martin pôs combustível demais e deu ordem para Vettel queimar: o erro na Hungria

Feliz com o que conseguiu apresentar, Alonso traz uma expectativa positiva para a sequência do fim de semana. Especialmente se a pista estiver seca.

“Foi uma sexta-feira interessante, com certeza. Ficamos olhando para o céu durante toda a manhã e tarde, já que não estava completamente seco no começo dos dois treinos. Isso mexeu um pouco com nosso dia, mas acho que temos uma boa base para amanhã”, declarou.

“O clima vai ser algo para nós todos ficarmos de olho, já que parece algum um tanto desconhecido sobre a classificação. Se estiver seco, confio em um bom resultado”, comentou o bicampeão do mundo.

Ocon, por sua vez, acredita que a Alpine poderá repetir a grande performance em Spa-Francorchamps no ano passado. Daniel Ricciardo, hoje na McLaren, foi o quarto colocado no GP da Bélgica de 2020, logo à frente do francês.

Esteban Ocon acredita em repetição da boa jornada de 2020 em Spa-Francorchamps (Foto: Alpine)

O que chamou a atenção do mais novo vencedor de corrida na F1 foram as condições bastante variáveis em Spa-Francorchamps, o que impôs mais um desafio aos pilotos.

“Em primeiro lugar, é ótimo estar de volta ao carro depois das férias de verão. O dia hoje foi agitado e caótico de todas as formas possíveis com as condições meteorológicas. Mudou muito ao longo do dia, o que significou que tivemos de nos adaptar às condições úmidas, mas também ao seco. Foi bem complicado no começo, já que alguns trechos estavam úmidos, enquanto outras partes da pista estavam completamente normais”, declarou o dono do carro #31.

Perguntado sobre a rodada durante a sessão da tarde, Ocon ressaltou que não houve nenhum problema mais sério. “É porque estava forçando um pouco para encontrar o limite e estava escorregadio, mas felizmente não houve nenhum dano”, salientou o piloto, confiante também com a sequência do fim de semana na Bélgica.

“No geral, porém, parecemos bem competitivos, com características semelhantes ao nosso desempenho no ano passado, o que é uma boa notícia. A classificação é amanhã, e é isso o que importa”, concluiu.

A Fórmula 1 retoma os trabalhos de pista neste sábado com o treino livre 3, a partir de 7h (de Brasília), enquanto a classificação está marcada para 10h. O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades de pista do GP da Bélgica AO VIVO e em TEMPO REALSiga tudo aqui.

WILLIAMS PONTUA COM LATIFI, MAS SE PREPARA PARA ADEUS A RUSSELL | Retrospectiva F1 2021

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar