Alonso cita “passo adiante” da Williams, mas vê briga só com AlphaTauri e Aston Martin

Fernando Alonso reconheceu que a Williams melhorou e foi competitiva com George Russell na rodada dupla da Áustria, mas entende como algo circunstancial e produzido pelo circuito. Para o espanhol, a briga pelo top-5 segue como estava: Alpine, AlphaTauri e Aston Martin

Fernando Alonso vê a Williams como uma espécie de fogo de palha depois do GP da Áustria. Por mais que tenha travado batalhas interessantes com George Russell, o espanhol não vê o time britânico com a regularidade suficiente para incomodar no pelotão intermediário, entendendo que a boa performance foi gerada pelo encaixe do carro da equipe de Grove com o Red Bull Ring.

O bicampeão do mundo conquistou 1 pontinho no GP da Áustria após algumas voltas em disputa apertada com Russell. Só que Alonso também lembra de 2020, em que Russell e Williams já tinham andado bem e, no fim das contas, passaram o ano zerados.

“Não, não acho que eles vão encostar. Acho que a Williams deu um passo adiante, mas também vimos, em 2020, eles largando em 11º na Áustria, me parece mais um circuito em que eles conseguem andar bem. Precisamos esperar mais umas corridas para vermos se eles são rápidos ou não”, disse.

Fernando prefere olhar mais para a Alpine do que para a Williams. No entendimento do asturiano, o time francês está apresentando uma curva de crescimento e pode subir mais alguns degraus na semana que vem, no GP da Inglaterra.

“O que deu para ver é que a Williams estava mais perto da gente na Estíria e que abrimos uma margem na Áustria. Estou feliz com a forma que o time cresceu em duas semanas, é manter isso para Silverstone. Se mantivermos a pegada, vamos para o top-7 ou 8, isso é um passo adiante, sim”, seguiu.

Fernando Alonso teve trabalho com George Russell nas últimas duas semanas (Foto: Alpine)

No entanto, Alonso não projeta nada para o segundo semestre da F1 2021 que não seja uma briga com AlphaTauri e Aston Martin, não com a Williams. Para o bicampeão, no entanto, já vai chegando a hora em que todo mundo só vai pensar em 2022, no novo regulamento.

“A segunda metade de 2021 vai ser meio que uma espera por 2022. Muitas equipes já vão estar 100% focadas nos carros do ano que vem, então, provavelmente as corridas vão ser meio parecidas entre elas. Não temos metas claras para 2021, mas é aquilo: vamos brigar pelo quinto lugar com AlphaTauri e Aston Martin. Acho que, mais do que tudo, é criar uma estrutura boa de tática, pit-stop, gerenciamento de pneus, deixar o máximo possível preparado para 2022”, completou.

Alonso vem em 11º no Mundial de Pilotos com 20 pontos, 8 a mais que o companheiro Esteban Ocon. A Alpine está em sétimo no Mundial de Construtores com 32 tentos, 12 abaixo da Aston Martin e 16 atrás da AlphaTauri.

LEIA TAMBÉM
+Mercedes cita atualização para ‘fazer frente’ à Red Bull na Inglaterra
+McLaren já tem necessário para enfrentar Mercedes e Red Bull: Norris

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar