Ferrari e Lotus vetariam mudanças nos pneus da temporada 2013 da F1, diz revista alemã

De acordo com a publicação alemã ‘Auto Motor und Sport’, Ferrari e Lotus vetariam uma mudança da Pirelli nos compostos desenvolvidos para a temporada 2013 da F1. Mercedes e Red Bull estão insatisfeitas com a velocidade do desgaste dos pneus

Os pneus desenvolvidos pela Pirelli para a temporada 2013 da F1 não agradaram todas as equipes do grid. Desgastando-se mais rapidamente que os compostos anteriores, a nova borracha foi alvo de criticas da Red Bull, que antes mesmo da dobradinha no GP da Malásia, afirmou que a fabricante italiana havia concordado em mudar os pneus. 
Domenicali afirmou que todas as equipes precisariam concordar com mudanças nos pneus (Foto: Shell/Getty Images)
Helmut Marko, consultor da Red Bull, declarou antes da vitória em Sepang que a Pirelli havia prometido mudar o produto. De acordo com dados da esquadra rubro-taurina e também da Mercedes, os compostos se desgastam mais rapidamente quando colocados nos melhores carros do grid. 
 
“Acho que a Pirelli percebeu e temos a promessa de que outros compostos virão para o Bahrein”, disse Marko ainda na Malásia. 
 
De acordo com a publicação germânica ‘Auto Motor und Sport’, Lotus e Ferrari, entretanto, vetariam uma mudança nos pneus da temporada 2013 da F1. 
 
“A Pirelli não pode mudar nada sem que os times concordem, a menos que haja um risco iminente a segurança”, disse Stefano Domenicali, chefe da Ferrari. “Não faz sentido entrar em pânico após duas corridas”, defendeu.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube