Ferrari impõe metas e cobra evolução de Giovinazzi em terceiro ano na Fórmula 1

Antonio Giovinazzi ainda não brilhou de verdade na Fórmula 1. A esperança da Ferrari é de que isso finalmente aconteça na terceira temporada pela Alfa Romeo em 2021

2021 será a terceira temporada completa de Antonio Giovinazzi na Fórmula 1. Já estabelecido no grid, o italiano se prepara para receber cobranças maiores: de acordo com o próprio Giovinazzi, a Ferrari determinou metas em busca de progresso e resultados mais convincentes de seu pupilo na Alfa Romeo.

“Está tudo claro para a Ferrari”, disse Giovinazzi, entrevistado pelo Motorsport.com. “Eles querem que eu siga progredindo enquanto piloto, trazendo resultados. Isso também está claro para mim. É minha meta para a próxima temporada. Eu só quero trabalhar bem com a equipe [Alfa Romeo], assim como já fizemos nas últimas duas temporadas”, seguiu.

Giovinazzi virou piloto reserva da Ferrari em 2017, função que serviu de trampolim para assumir a titularidade da Alfa Romeo em 2019. Os dois primeiros anos pela escuderia alvirrubra foram de poucos brilhos, sendo frequentemente ofuscado pelo companheiro Kimi Räikkönen.

Antonio Giovinazzi ainda não teve grandes atuações na F1 (Foto: Alfa Romeo)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Isso, entretanto, não abala o otimismo para 2021. Giovinazzi se vê em uma família e com ambiente favorável para dar o aguardado passo adiante na carreira.

“Eu me sinto em uma família, indo para a terceira temporada. É legal seguir trabalhando com eles, com o Kimi também. É mais fácil evoluir assim. Tomara que tenhamos um carro melhor, porque aí vai ser mais fácil pontuar. Tomara que tenhamos uma evolução. Não é fácil para a equipe estar no fundão. Eu sempre tento ajudar o pessoal a ir em frente e acho que, no fim das contas, andamos bem. Eu sempre vejo todo mundo motivado. Claro que a motivação é muito maior quando se pontua”, encerrou.

A Alfa Romeo caiu do pelotão médio para o fim do grid em 2020, consequência da fraqueza do motor Ferrari. A escuderia ficou em antepenúltimo no Mundial de Construtores, superando apenas Haas e Williams. Giovinazzi somou 4 pontos, mesma pontuação de Räikkönen e terminou a temporada em 17° no Mundial de Pilotos.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube