Ferrari se diz “motivada” após pódio em Baku, mas admite: “Não tivemos chance de lutar”

Chefe da Ferrari, Frédéric Vasseur destacou o importante pódio de Charles Leclerc no Azerbaijão, mas admitiu que a equipe precisa melhorar em ritmo de corrida para desafiar Red Bull

A Ferrari conquistou seu melhor resultado em 2023 neste domingo (30), no GP do Azerbaijão, com o pódio de Charles Leclerc, terceiro colocado, e a quinta posição de Carlos Sainz — que não conseguiu terminar à frente de Fernando Alonso. Apesar do primeiro pódio do ano, a equipe mais uma vez não conseguiu duelar com a Red Bull pela vitória, mas o chefe Frédéric Vasseur pregou a importância de focar nos aspectos positivos da quarta etapa do campeonato.

“Com certeza, foi um bom fim de semana, com duas poles e o pódio”, disse Vasseur. “É bom para a moral e para a motivação da equipe. Temos de tirar os pontos positivos do fim de semana”, destacou.

Relacionadas


Apesar de destacar que o ritmo da Ferrari subiu de nível em Baku, Vasseur admitiu que não foi suficiente para brigar com a Red Bull pela vitória. Leclerc conseguiu manter a ponta por apenas três voltas e, no fim da corrida, terminou incríveis 21s2 atrás do vencedor Sergio Pérez.

▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Vasseur quer ver Ferrari melhorando em ritmo de corrida (Foto: Ferrari)

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Assim, o dirigente francês destacou que a prioridade da equipe, a partir de agora, será melhorar o ritmo das jornadas longas, principalmente porque a SF-23 costuma apresentar um bom nível nas sessões de classificação — apenas neste fim de semana, Charles garantiu tanto a pole da corrida sprint quanto da prova principal, mas acabou ultrapassado nas duas.

“O ritmo estava lá desde a primeira volta, e agora precisamos melhorar no stint longo”, admitiu. “Mesmo que o ritmo estivesse lá, nós não tivemos a chance de lutar pela vitória em uma distância de corrida. Vamos estudar isso e focar em Miami”, prosseguiu.

“A velocidade máxima foi impressionante e é difícil lutar em Baku, mas precisamos entender toda a história e melhorar”, finalizou Vasseur.

Com o resultado em Baku, Leclerc subiu na classificação e assumiu o sexto lugar no Mundial de Pilotos, com 28 pontos conquistados. Sainz está uma posição acima, com 34 tentos. No Mundial de Construtores, a Ferrari já anotou 62 pontos e aparece na quarta posição, atrás de Red Bull, Aston Martin e Mercedes.

Chamada Chefão GP Chamada Chefão GP 🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias da Fórmula 1 direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.