FIA determina que pódio da F1 só volta ao normal em GPs com portões abertos

O tradicional banho de champanhe só volta quando a F1 se sentir confortável a ponto de abrir os portões novamente. A categoria ainda não definiu como será a nova cerimônia

Ainda não se sabe exatamente como será a cerimônia de pódio da Fórmula 1 em 2020. As preocupações ligadas ao coronavírus levaram à suspensão da prática normal, que envolvia contato entre pessoas e pouco distanciamento social. E, no que depender da Federação Internacional de Automobilismo (FIA), o formato tradicional de celebração só volta quando o público puder entrar novamente nos autódromos.

A determinação da FIA faz parte de novos ajustes promovidos pelo Conselho Mundial do Esporte. Como a F1 ainda não tem planos para voltar a receber público, ao contrário de categorias como a Indy, segue a expectativa de que a temporada 2020 inteira aconteça sem o tradicional banho de champanhe.

Vai levar um tempo até a cerimônia de pódio voltar a acontecer sem limitações (Foto: Mercedes)

Isso, entretanto, não significa que não haverá cerimônia alguma após GPs com portões fechados. A FIA indicou que os procedimentos do pódio serão determinados de prova em prova, seguindo instruções do diretor de corridas Michael Masi. Não há indicativos, entretanto, de quais serão os ajustes à realidade do coronavírus.

Outra determinação da FIA tem a ver com o número de pessoas permitidas no grid antes da largada de um GP. Começando já no GP da Áustria, cada equipe pode levar o máximo de 40 funcionários para fazer ajustes finais nos carros na pista. Quando for sinalizado que faltam três minutos para a volta de apresentação, o máximo de pessoas por carro cai para 16. Tais números representam uma parcela significativa do total de pessoas que cada equipe pode levar para cada GP, 80.

A temporada 2020 da F1 começa em 5 de julho, data do GP da Áustria em um Red Bull Ring de portões fechados. A categoria segue no país por mais uma semana, realizando outra corrida no mesmo autódromo em 12 de julho. Apenas as oito primeiras provas do calendário estão confirmadas até aqui.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube