FIA diz que Ferrari impede que detalhes do acordo sobre motores sejam revelados

Jean Todt, presidente da entidade máxima do automobilismo, afirmou em entrevista que adoraria divulgar mais sobre o caso, mas a equipe italiana prefere o segredo

No início do ano, a Federação Internacional de Automobilismo (FIA) fez um acordo com a Ferrari após a polêmica sobre a legalidade dos motores da equipe na última temporada. Questionado pelo site 'Autosport', Jean Todt, presidente da FIA, não se omitiu sobre o caso.
 
"Se você me perguntar, eu adoraria poder te dar todos os detalhes da situação, mas eles [Ferrari] não concordaram", afirmou o dirigente francês. "Eles foram punidos, mas não podemos dar detalhes da punição", completou.
 
A falta de detalhes sobre a punição aplicada na Ferrari gerou muitos questionamentos de outras equipes do grid, especialmente as rivais Mercedes e Red Bull.
Jean Todt (Foto: AFP)
"Nós poderíamos não ter falado nada. Mas sentimos que seria errado não dizer que o caso da Ferrari foi discutido e que houve uma sanção pelo que sentimos e, o objetivo daquilo foi mostrar que o que foi feito por eles era ilegal", declarou.
 
Sete equipes do grid da Fórmula 1 questionaram a falta de clareza do acordo entre FIA e Ferrari. Apenas Alfa Romeo e Haas, que também possuem motores da montadora italiana, não se manifestaram sobre o caso.
 
"Eu conversei individualmente com alguns dos sete times. Recebi uma resposta a uma carta minha, onde eles confirmaram que entenderam a posição da FIA", disse Todt. 
 
"Mas isso não significa que eles ficaram felizes com o posicionamento da FIA e eles adorariam que a Ferrari permitisse mais detalhes do caso. Eu também, mas não podemos", finalizou o ex-dirigente da equipe italiana.
 
Paddockast #55
Um bate-papo com… RUBENS BARRICHELLO

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

COMO SE PREVENIR DO CORONAVÍRUS:
 

☞ Lave as mãos com água e sabão ou use álcool em gel.
☞ Cubra o nariz e boca ao espirrar ou tossir.
☞ Evite aglomerações.
☞ Mantenha os ambientes bem ventilados.
☞ Não compartilhe objetos pessoais.

Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube