FIA pune com dois pontos na carteira e deixa Hamilton próximo de suspensão

Após hexacampeão treinar largada em lugar proibido, FIA definiu 10s de punição no GP da Rússia e mais dois pontos na carteira já cheia

O GP da Rússia deste domingo (27) se prova um obstáculo grande para Lewis Hamilton na temporada 2020. Por conta de duas punições na pista por infrações iguais, o hexacampeão recebeu dois pontos na carteira e pulou para dez. Agora, está a apenas dois de uma corrida de suspensão.

A razão da punição foi praticar largadas perto da saída do pit-lane durante a volta de instalação, entre sair dos boxes e parar no grid, antes do começo do GP da Rússia. Lewis fez por duas vezes e, então, recebeu duas punições de 5s na corrida, totalizando 10s – que cumpriu durante o pit-stop – e dois os pontos na carteira – um por cada falta.

Hamilton não gostou. Após receber a punição na corrida, reclamou no rádio da Mercedes que as forças da F1 estariam fazendo “qualquer coisa para me parar. Mas ok, eu aguento”.

Segundo a FIA, o “Artigo 36.1 exige que os pilotos usem aceleração constante e velocidade constante na saída do pit a não ser no local designado para testes de largada de acordo com o item 19.1 das Notas do Evento, que definiram o lugar ‘na saída do lado direito’ depois do semáforo da saída do pit (e não na parte da pista definida por linhas), algo que é conhecido por todos os competidores e utilizado sem exceção”

O problema é que o inglês é o campeão de pontos também na carteira. Isso mesmo, Hamilton tem dez pontos na carteira, ao passo que 12 destes pontos rendem banimento de uma corrida. Tais pontos começam a se desfazer somente no dia em que completam um ano de recebidos.

Ou seja: Hamilton ficará na berlinda por mais de um mês, porque os pontos mais antigos foram recebidos no GP do Brasil de 2019 – no dia 17 de novembro, portanto. Na ocasião, Lewis recebeu dois pontos na carteira por causar um acidente com Alexander Albon.

O restante é todo deste ano. E quatro no GP da Áustria, em 4 de julho, por dois incidentes diferentes: dois por passar do limite de velocidade sob bandeira amarela e outros dois por outro acidente com Albon. Depois, no GP da Itália de 6 de setembro, recebeu mais dois por entrar no pit-lane fechado.

O que isso quer dizer? Que Hamilton fará mais quatro corridas, os GPs de Eifel, Portugal, Emília-Romagna e Turquia, colado no limite da carteira.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube