Fittipaldi espera Kubica para definir futuro na Haas: “Gostaria de um papel melhor”

Pietro Fittipaldi vai poder definir seu futuro assim que Robert Kubica fechar seus passos. O brasileiro afirmou que quer continuar com a Haas em 2020 e em um papel melhor, mas precisa aguardar o que o polonês vai escolher

Pietro Fittipaldi está na espera para poder definir sua vida em 2020. Deixando claro o desejo de seguir envolvido com a Haas, precisa aguardar os próximos passos de Robert Kubica para só então decidir o que vai fazer na Fórmula 1.
 
Nesta temporada, o neto de Emerson ocupou a vaga de piloto de testes da equipe norte-americana. Entretanto, sem os pontos para a superlicença, não pode “subir de cargo” para se tornar piloto reserva.
 
Com isso, a escuderia comandada por Günther Steiner ofereceu a função para o polonês, mas enfrenta concorrência. O motivo é que a Racing Point também mostrou interesse em ter o competidor no próximo ano.
 
Então, Pietro está esperando para ver o que Robert decide para poder definir seu caminho. “Estou esperando para ver o que acontece lá. Não sei quais são os rumores, o que está acontecendo. Isso é uma parte chave disso também”, comentou.
Robert Kubica (Foto: Williams)

“Gostaria de continuar com a equipe e estou bastante confiante de que vai acontecer. Mas não sei onde Robert vai entrar nisso também. Se for acontecer, não significa necessariamente que vou ficar sem um papel”, continuou.
 

Em 2020, a cada treino livre realizado na sexta-feira, vai garantir um ponto na superlicença. Portanto, Fittipaldi mira participar de quatro ensaios para, enfim, conseguir a sua. “Com certeza se continuar com a Haas gostaria de um papel melhor. A superlicença é algo que estou trabalhando, mas assim que conseguir gostaria do papel de piloto reserva”, falou.
 
“Um passo de cada vez e sei que não terão testes durante a temporada no próximo ano, então, treinos livres serão importantes. Então com certeza gostaria de seguir com o que estou fazendo e fazer mais no próximo ano”, continuou.
 
“Estou quatro pontos longe de conseguir a superlicença. Se fizer quatro ensaios livres no próximo ano consigo os pontos, mas também há outras maneiras de correr em um campeonato para conseguir os pontos. Então é importante consegui-los”, encerrou.
 

Paddockast # 45
OS MELHORES E OS PIORES PILOTOS DA F1 2019

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube