Focado no acerto do carro, Massa diz que só deve sentir aposentadoria quando começar temporada 2017

Felipe Massa está completamente focado em acertar o carro e ter um desempenho melhor do que nas últimas provas com a Williams em Abu Dhabi. O brasileiro garantiu que só deve sentir de fato a aposentadoria no início da temporada 2017

 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 1
,components : { mute: {delay :3}, skip: {delay :3} }
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);
Felipe Massa fechou o segundo treino livre em Abu Dhabi com o décimo melhor tempo. Nesta sexta-feira (25), o brasileiro falou sobre o último final de semana na F1 e garantiu que só pensa, por enquanto, em acertar o carro e buscar um bom resultado.

 
Massa brincou que gostaria de fechar sua última sexta liderando, mas ressaltou que a Williams já fez alguns testes para ter uma corrida melhor que nas etapas anteriores. O brasileiro prometeu empenho máximo por um bom resultado de despedida.
 
"É claro que eu adoraria fechar minha última sexta-feira em primeiro, infelizmente não fomos. Mas, de qualquer jeito, nós queríamos entender o carro e adequar ele com pneus novos, mas também em stints longos, já que queremos fazer algo melhor do que fizemos nas últimas semanas. Sabemos que não é fácil, mas vamos fazer de tudo para melhorar, darei o meu melhor e farei de tudo na minha última corrida", disse.
 
Felipe assegurou que não está pensando na aposentadoria durante o final de semana em Abu Dhabi e garantiu foco total no aprimoramento do carro.
Felipe Massa ainda não pensa que este é seu último fim de semana (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)
"Não estou pensando nisso, sinceramente. Quando você está em um fim de semana de corrida, não pensa nessas coisas. Pensa no carro, no acerto, não que essa vai ser minha última sexta. Tudo está indo bem, não estou sentindo nada agora, mas talvez eu comece a sentir mais quando a próxima temporada começar", seguiu.
 
O paulista explicou que todos os pilotos contam os dias para o fim do campeonato e que, por isso, a ausência no início da temporada 2017 deve ser mais sentida no ponto de vista emocional.
 
"Quando a temporada que vem começar, acho que vai ser estranho para mim. É diferente do que acontece agora, já que todo mundo quer descansar, relaxar no fim da temporada. O início de campeonato em 2017 deve ser mais duro para mim do que está sendo o final de 2016", completou.
 
fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube