Fórmula 1 anuncia mudança para evitar ‘engarrafamentos’ nos treinos em Monza

Buscando não repetir o fiasco do Q3 de 2019, a Fórmula 1 anunciou medidas para evitar confusões com pilotos lentos na pista durante os treinos do GP da Itália. As medidas valem para as sessões deste sábado

Os treinos da Fórmula 1 estão recheados de reclamações dos pilotos nos rádios, principalmente em relação a carros mais lentos na pista. Para evitar incidentes nos treinos livres e na classificação, a categoria decidiu aplicar uma advertência a todos do grid.

Por Monza, sede do GP da Itália, ser uma pista de alta velocidade, muitos pilotos fazem as voltas de aquecimento e desaceleração lentas demais, atrapalhando concorrentes. O caso mais famoso foi no Q3 do treino classificatório de 2019, quando muitos pilotos tiraram o pé para buscar o vácuo na tentativa final e perderam a oportunidade.

No primeiro treino livre de 2020, disputado nesta sexta-feira (4), diversos competidores reclamaram de pilotos andando devagar na trajetória de corrida. “É muito perigoso”, chegou a alertar Lando Norris após a sessão.

O fim do Q3 do GP da Itália de 2019 foi um show de horrores (Foto: Reprodução/TV)

Para evitar mais incidentes, Michael Masi, diretor de provas da Fórmula 1, divulgou um comunicado para os pilotos antes do segundo treino livre avisando sobre os riscos e quais punições vão ser aplicadas a quem descumprir a regra.

“Todo competidor e piloto é lembrado das listagens do Artigo 27.4 do Regulamento Esportivo da Fórmula 1. Por razões de segurança, durante cada sessão de treino livre, atos como ziguezaguear pela pista e atrapalhar outro carro será analisado pelos comissários”, diz o comunicado.

“No TL3 e na classificação, o tempo anotado – de acordo com o item 8 das anotações de eventos dos diretores de prova – será usado como base pelos comissários para determinar se um piloto andou desnecessariamente devagar em uma volta de aquecimento ou desaceleração”, prossegue a nota.

O item 8 declara que o tempo máximo de volta permitido nas voltas de aquecimento e desaceleração será determinado após as sessões desta sexta-feira. Os comissários, no entanto, vão analisar cada caso durante os treinos.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube