Fórmula 1 divulga prejuízo de R$ 574 milhões no terceiro trimestre de 2020

Liberty Media divulgou resultados financeiros indicando forte queda de receita da Fórmula 1 apesar da realização de três provas no terceiro quarto do ano

O Liberty Media, grupo que gerencia a Fórmula 1, publicou os resultados financeiros do terceiro trimestre de 2020, mostrando uma perda de US$ 104 milhões, equivalente à R$ 574 milhões, no período. A queda foi de US$ 36 milhões em comparação com 2019, mesmo com a realização de três corridas a mais.

As finanças da Fórmula 1 foram imensamente afetadas pela pandemia de Covid-19 nesta temporada, que fez o campeonato começar apenas em julho. O primeiro trimestre do ano, que contou com o cancelamento do GP da Austrália horas antes do primeiro treino livre, teve entrada de apenas US$ 40 milhões nos cofres da empresa.

A situação ficou mais crítica no segundo quarto do ano, sem eventos realizados, e com apenas US$ 24 milhões de entrada. A primeira corrida aconteceu na Áustria, sem presença de público.

F1 apontou queda na receita (Foto: Ferrari Media)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Com 10 corridas no terceiro trimestre, a Fórmula 1 viu a entrada de US$ 597 milhões. Além da perda de US$ 36 milhões em comparação com 2019, a categoria se viu em prejuízo de US$ 104 milhões, diferente do lucro de US$ 44 milhões de 2019.

“A receita primária da F1 diminuiu principalmente devido à receita limitada de promoção de corrida recebida, uma vez que os fãs ficaram fora de todas as corridas, exceto uma, durante o terceiro trimestre”, declarou a Fórmula 1 em nota oficial.

“As receitas de transmissão e publicidade e patrocínio foram menores do que as originalmente contratadas”, reconheceu a categoria. “A programação alterada resultou em taxas de transmissão mais baixas de acordo com os termos contratuais de certos acordos de transmissão e também levou a outras alterações pontuais, uma vez que certas taxas de transmissão foram renegociadas para o ano atual”, completou.

Ouça os programas do GRANDE PRÊMIO no formato de podcast:
Anchor | Apple | Spotify | Google | Pocket Cast | Radio Public | Breaker

Siga o GRANDE PRÊMIO nas redes sociais:
YouTube | Facebook | Twitter Instagram | Pinterest | Twitch | DailyMotion

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube