Russell projeta “efeito ioiô” da Williams em 2021: rápida em alguns GPs e lenta em outros

George Russell não se empolgou tanto com o desempenho positivo da Williams na pré-temporada, mas acredita que uma grande transformação acontecerá em 2021

Como foi o terceiro e último da F1 em Sakhir (Vídeo: GRANDE PRÊMIO)

Após três temporadas consecutivas com a última colocação no Mundial de Construtores, a Williams passou pelos testes do Bahrein sem sofrer maiores problemas, e ainda viu George Russell fechar o último dia de atividades na sexta colocação, apenas 0s092 atrás do heptacampeão mundial Lewis Hamilton, da Mercedes. Apesar do desempenho, o clima no time de Grove ainda não é de reviravolta.

Russell, que guiou o FW43B apenas no domingo, acredita que as condições de Sakhir não ajudaram o desempenho do carro. Ventos fortes no Bahrein chegaram a provocar uma tempestade de areia na sexta-feira, quando o israelense Roy Nissany, piloto de testes, esteve com o carro.

“Estas condições trouxeram o pior do carro, e já antecipávamos isso, então não existe sinal de que diminuímos a distância”, comentou George após a sessão. A Williams vem da pior temporada de sua história, com nenhum somados em 2020.

George Russell acumulou mais de 150 voltas no domingo (Foto: Williams)


Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

WEB STORIES: Tudo sobre o terceiro dia de pré-temporada da F1

“Sabíamos disso antes e foi confirmado que nosso carro é muito sensível ao vento, e a maioria dos times são. As condições destacaram nossos problemas, o que é positivo, já que podemos nos aprofundar nos dados”, seguiu o piloto.

Apesar dos problemas destacados pelos fortes ventos, Russell acredita que a Williams passará por um momento diferente em 2021. O piloto inglês confia que o time oscilará entre bons e maus desempenhos ao longo do ano dependendo das pistas.

“Mas acho que teremos uma grande transformação. Veremos um efeito ioiô pra nós nesta temporada, acho que seremos rápidos em algumas corridas e muito lento em outras. E como eu disse, essas condições nos últimos três dias são as piores que gostaríamos de ver para nosso carro”, concluiu.

Com os testes de pré-temporada completos, a atenção vira para o GP do Bahrein. A corrida está marcada para acontecer no próximo dia 28, no mesmo circuito de Sakhir que recebeu os últimos três dias de testes.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube