Governo russo garante verba necessária para construção de circuito de Sochi para receber F1

O ministro das finanças da Rússia garantiu a liberação da verba necessária para a construção do circuito de Sochi. Meta é receber F1 já na temporada 2014

O ministro das finanças da Rússia garantiu que irá disponibilizar os recursos necessários para a conclusão das obras de construção do circuito de Sochi, que pode entrar no calendário da F1 já na temporada 2014. De acordo com o site ‘Izvestia’, os cerca de R$ 5,6 bilhões serão disponibilizados para a região de Krasnodar, com a garantir pessoal do governador local, Alexander Tkachev. 
 
De acordo com a publicação, os recursos serão utilizados tanto para a construção do circuito como para a infraestrutura necessária para atender os padrões da F1. 
Pista em Sochi vai planeja receber a F1 em 2014 (Foto: Formula Sochi/Facebook)
Apesar de Bernie Ecclestone ter se mostrado animado com o plano russo em fevereiro último, rumores indicam que o grupo que trabalhava no projeto da F1 enfrenta dificuldades financeiras. O vice-primeiro-ministro da Rússia, Dmitry Kozak, entrou em ação após declarações do prefeito de Sochi, Anatoly Pakhamov, onde ele afirmava que o prestigio do país estaria em risco se o projeto falhasse. 
 
Projetado por Hermann Tilke, o circuito de Sochi foi feito para atender as instalações que estão sendo construídas para os Jogos Olímpicos de Inverno, que acontecem no país no ano que vem. 
 
Mesmo com o dinheiro assegurado, a presença no calendário da F1 não está garantida, já que ainda depende de negociações com os responsáveis pelo Mundial e de um rigoroso cronograma para a homologação da FIA (Federação Internacional de Automobilismo). 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube