F1

GP às 10: Canadá já evidencia diferença entre Mercedes e Ferrari. E já leva a pensar na temporada 2021

No GP às 10 desta sexta-feira (7), Victor Martins analisa que o GP do Canadá não traz qualquer evidência de um futuro diferente para a Fórmula 1. Com as regras mantidas para o ano que vem, o jornalista acredita que só resta esperar por 2021

Grande Prêmio / Redação GP, de São Paulo
No GP às 10 da noite desta sexta-feira (7), Victor Martins já nota que a corrida que encerra o primeiro terço do campeonato não traz qualquer esperança de mudança no cenário da atual temporada, afinal a Ferrari, num circuito de pouco mais de 70 segundos e com retas longas, está tomando cerca de 1 segundo por volta. E como as regras para o ano que vem serão mantidas, o que resta para o fã de F1 é torcer para que haja uma mudança brusca no regulamento de 2021.
 
Ainda, o jornalista pega o gancho sobre o que Hamilton quer para 2021, mas pega uma contradição em cima das queixas que o futuro hexacampeão fez ao longo do GP de Mônaco.

O GP às 10 é a série que traz um comentário em vídeo dos jornalistas do GRANDE PRÊMIO, sempre às 10h (de Brasília), do dia e da noite. Veja aqui todas as edições do GP às 10.


Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.