F1

GP às 10: Decisão da Globo de exibir GPs dos EUA e México no SporTV é compreensível. Não fiquem bravos

Flavio Gomes analisa a postura da Rede Globo, que já há alguns anos transfere a transmissão de corridas no fim da tarde, como os GPs dos EUA e México, para seu canal por assinatura SporTV. O jornalista entende que a decisão é completamente compreensível do ponto de vista comercial e também da audiência, uma vez que não faria sentido abrir mão do futebol, um dos principais produtos da emissora
Warm Up / Redação GP, de Sumaré
 Galvão Bueno durante transmissão ao vivo (Foto: Reprodução)

Como já vem sendo há alguns anos, os GPs dos EUA e do México vão ser transmitidos ao vivo pelo canal de assinatura SporTV. A Rede Globo, dona dos direitos de transmissão em TV aberta no Brasil, transfere a exibição das suas provas para seu ‘braço’ na TV paga porque o horário das provas na América do Norte coincide com o horário da rodada do futebol no Campeonato Brasileiro. No ‘GP às 10’ desta quarta-feira (18) Flavio Gomes analisa que é perfeitamente natural e compreensível que a emissora priorize o futebol, um dos produtos mais rentáveis da casa e também de maior audiência. O automobilismo, por sua vez, ainda que tenha um público fiel, cada vez mais é um esporte de nicho.
 
O 'GP às 10' é a série que traz um comentário em vídeo dos jornalistas do GRANDE PRÊMIO e convidados especiais, sempre às 10h, do dia e da noite.

Veja aqui todas as edições do 'GP às 10'.