GP às 10: O que seria da Red Bull com motor Mercedes e o que poderá ser com Hülkenberg?

No GP às 10 desta sexta-feira (31), Victor Martins analisa como seria diferente a Fórmula 1 se nos últimos três anos a Red Bull tivesse usado motor Mercedes e como mudariam as coisas se Nico Hülkenberg ocupasse o lugar de Pierre Gasly na equipe austro-inglesa a partir do ano que vem.

Na última semana, o jornalista Roberto Chinchero, da versão italiana do site 'Motorsport.com', informou que Helmut Marko conversou com Nico Hülkenberg em Mônaco. Em pauta, uma eventual mudança de equipe do alemão para 2020, visto que seu vínculo com a Renault termina neste ano.

No GP às 10 desta noite de sexta-feira, Victor Martins traça uma perspectiva do que poderá ser a Red Bull em 2020 com uma dupla que aliaria a juventude de Max Verstappen à experiência de Hülkenberg. Martins também fala sobre o desejo de Niki Lauda, presidente não-executivo da Mercedes — morto na segunda-feira da semana passada —, que gostaria de ver os carros da Red Bull sendo empurrados pelos motores alemães. A aliança jamais aconteceu.

O GP às 10 é a série que traz um comentário em vídeo dos jornalistas do GRANDE PRÊMIO, sempre às 10h (de Brasília), do dia e da noite. Veja aqui todas as edições do GP às 10.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube