F1

GP às 10: Renault dá vexame maior que Williams e leva vareio da Haas e McLaren na Fórmula 1

Na edição desta manhã do GP às 10, Fernando Silva analisa a situação da Renault e como o fraco desempenho em 2019 a coloca como grande decepção. E mais que isso, o vexame dos franceses é ainda maior na comparação com o calvário que vive a Williams, a última colocada da tabela de pontos

GRANDE PRÊMIO / Redação GP, de Curitiba
Depois de cinco etapas disputadas em 2019, a Renault aparece apenas na oitava colocação do Mundial de Construtores, com pífios 12 pontos. O carro amarelo e preto apresenta um desempenho fraco e nem mesmo a forte dupla Daniel Ricciardo e Nico Hülkenberg capaz de tirar o time do buraco. Neste momento, a esquadra chefiada por Cyril Abiteboul, que tem toda uma fábrica por trás, perde feio para McLaren, Haas e até Racing Point. E não opinião de Fernando Silva, o vexame é tão grande ou ainda maior do que da Williams.

O GP às 10 é a série que traz um comentário em vídeo dos jornalistas do GRANDE PRÊMIO, sempre às 10h (de Brasília), do dia e da noite. Veja aqui todas as edições do GP às 10.


Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo 

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.