GP às 10: Verstappen na Mercedes em 2020? A possibilidade, os prós e os contras

Victor Martins analisa a informação da revista alemã 'Auto Motor und Sport' de que há uma cláusula de desempenho no contrato de Max Verstappen — que o libera para negociar com outras equipes se a Red Bull não lhe der um carro vencedor

No GP às 10 da noite desta sexta-feira (28), Victor Martins analisa a informação da revista alemã 'Auto Motor und Sport' de que há uma cláusula de desempenho no contrato de Max Verstappen — que o libera para negociar com outras equipes se a Red Bull não lhe der um carro vencedor. E isso só leva a entender que o holandês estaria livre para conversar com a Mercedes.
 
E neste caso, a Mercedes viveria um dilema: garante a paz que precisa para se manter no topo ou pensa no futuro de quem já se mostrou pronto para ser campeão?
 
Ainda, se Verstappen deixar a Red Bull, como fica a equipe que não aguenta mais Pierre Gasly?
 

O GP às 10 é a série que traz um comentário em vídeo dos jornalistas do GRANDE PRÊMIO, sempre às 10h (de Brasília), do dia e da noite. Veja aqui todas as edições do GP às 10.

Paddockast #23
Lágimas em Le Mans

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube