F1

GP às 10: Viagem de madrugada, amigo perdido e blitz da polícia: como Flavio Gomes foi à estreia de Senna

Há quase 35 anos, Ayrton Senna fazia sua primeira corrida na F1, que teve como palco o GP do Brasil daquele ano, em Jacarepaguá. Flavio Gomes, à época ainda iniciando no jornalismo, esteve nas arquibancadas do saudoso circuito carioca e lembra a epopeia para chegar ao Rio e alguns detalhes da prova, com uma curiosidade sobre a vitória de Alain Prost

Grande Prêmio / Redação GP, de Sumaré
O dia 25 de março de 1984 marcou a estreia de Ayrton Senna na F1. O debute daquele que viria a ser um dos maiores pilotos de todos os tempos aconteceu no GP do Brasil daquele ano, disputado em Jacarepaguá. Flavio Gomes, à época ainda iniciante na carreira no jornalismo, esteve na arquibancada do saudoso autódromo carioca e relembra, no GP às 10 desta manhã de quinta-feira (28), a epopeia para chegar à pista, na Zona Oeste do Rio de Janeiro.
 
Desde a viagem de madrugada, a bordo de um Gol, Gomes teve a companhia de três amigos, inclusive um que há tempos o jornalista não se tem notícia, um holandês chamado Martin Roberto Dom. No trajeto, o grupo enfrentou até mesmo uma blitz da polícia, mas conseguiu chegar a Jacarepaguá.
 
Senna percorreu poucas voltas naquela prova e abandonou, assim como Nelson Piquet, que vinha da conquista do bicampeonato mundial. Em uma prova de resistência por conta do forte calor, a vitória ficou com Alain Prost, a bordo do carro da McLaren. No fim, uma curiosidade sobre a transmissão da prova na Rede Globo: o tema da vitória, tão famoso e marcante para representar as conquistas brasileiras na F1, foi tocado em homenagem ao triunfo do ‘Professor’ em Jacarepaguá. 

O GP às 10 é a série que traz um comentário em vídeo dos jornalistas do GRANDE PRÊMIO, sempre às 10h (de Brasília), do dia e da noite. Veja aqui todas as edições do GP às 10