GP às 10: Williams está ‘consertando as coisas’ na F1, diz chefe. O que esperar?

A nova direção da Williams, liderada pelo chefe de equipe Simon Roberts e pelo CEO Jost Capito começa a chamar a atenção. Mas quando será possível perceber uma evolução na esteira da chegada do Dorilton Capital no lugar da lendária família Williams? Fernando Silva e Pedro Henrique Marum debatem no GP às 10 deste domingo (24)

Desde meados do ano passado, a Williams está sob nova direção. O fundo norte-americano de investimentos Dorilton Capital comprou a operação da família Williams e assumiu o comando de uma das equipes mais vitoriosas da Fórmula 1, mas que viveu seu pior momento em 2020, sem ter somado um ponto sequer.

Simon Roberts, ex-McLaren, foi escolhido para ser o novo chefe de equipe, assumindo o bastão que era de Claire Williams depois do GP da Itália. Recentemente, o dirigente falou sobre a herança deixada pela família liderada por Frank Williams, ressaltou o respeito por Claire, mas avisou que a nova administração “está consertando as coisas”.

Coisas que vão desde consertar um vazamento no telhado, manutenção no túnel de vento, e outros tópicos bem mais complexos, como a ampliação da parceria técnica com a Mercedes para usar o câmbio construído pela equipe alemã a partir de 2022.

No corpo diretivo, Jost Capito, que fez história pela Volkswagen no Mundial de Rali e teve uma passagem muito breve pela McLaren, foi contratado como novo diretor-executivo para liderar esse processo de reconstrução.

Contudo, em termos de pista, a equipe tende a andar atrás por ainda um bom tempo. Nicholas Latifi segue como titular, enquanto George Russell vai ficar por mais um ano enquanto sonha com a promoção para a Mercedes. E Roy Nissany continua em 2021 como piloto de testes, o que denota a necessidade, ainda, de contar com pilotos pagantes.

A Williams vive um processo de transição que tem tudo para dar frutos. Mas em um futuro a médio-longo prazo. Fernando Silva e Pedro Henrique Marum debatem no GP às 10.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube