F1

Grosjean e Magnussen negam relação desgastada: “Só mandamos o outro se foder”

Presentes na coletiva de imprensa pré-GP da Hungria, Romain Grosjean e Kevin Magnussen negaram desgaste na relação após toque em Hockenheim. Pilotos afirmaram que estavam de cabeça quente no incidente e relacionamento é bom

Grande Prêmio / Redação GP, de Campinas
Romain Grosjean e Kevin Magnussen foram alvos de polêmica novamente. Os pilotos, que conseguiram o melhor resultado da Haas no ano durante o GP da Alemanha, se tocaram na pista e dispararam mensagens nervosas no rádio.
 
Participantes da coletiva de imprensa do GP da Hungria, a dupla negou desgaste na relação. Grosjean, que foi sétimo em Hockenheim, explicou que o vínculo entre os dois é bom, e que discussões entre companheiros de equipe são comuns em vários esportes, com a diferença da ausência do microfone, presente na Fórmula 1.
 
"Mesmo nos desafiando na pista, nossa relação é muito boa. Temos os mesmos problemas porque o carro é mesmo, e isso nos faz duelar na pista. Nos times de futebol, companheiros discutem também, mas eles não têm microfones. O que posso dizer? 'Querido, você pode passar?', 'Quer a sua posição de volta?'. Não, nós só mandamos o outro se foder", declarou Grosjean quando perguntado sobre.
Kevin Magnussen e Romain Grosjean (Foto: Haas)
Magnussen também confirmou que se dá bem com o companheiro de equipe, e afirmou que os pilotos sempre se acham certos quando estão da cabeça quente. O dinamarquês afirmou que não está preocupado com o seu futuro na categoria, já que vem recebendo fortes críticas pelos resultados ruins.
 
"Romain e eu nos tocamos algumas vezes. Fomos azarados em perder muitos pontos por contatos na pista. Ele é um cara legal, nós temos uma boa relação. É claro que na corrida, você diz coisas agressivas quando se toca, gritamos contra o rádio, mas não é nada sério. Quando um toque acontece, você está convencido de que está certo. No fim, não importa o que nós, pilotos, pensamos. Temos que respeitar o que o time decide e o trabalho deles. Não me preocupo com meu futuro", disse Magnussen.


Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.