Zhou exalta experiência com Alfa Romeo em testes, mas reconhece: “Há muito a aprender”

Único estreante da F1 em 2022, Guanyu Zhou viu com bons olhos os testes da Alfa Romeo em Barcelona, mas admitiu que ainda há muito trabalho pela frente

ALFA ROMEO APRESENTA C42, CARRO PARA A TEMPORADA 2022 DA FÓRMULA 1 | React

Foi apenas no último domingo que a Alfa Romeo finalmente lançou a C42 para a disputa da temporada de 2022 da Fórmula 1. Quem estará no comando do carro é o experiente Valtteri Bottas e Guanyu Zhou, único estreante na categoria neste ano. Após 175 voltas nos três dias de testes de Barcelona, o chinês teve uma ideia do desempenho do carro e não negou: ainda há muito a ser analisado.

“Há muito a aprender com o carro, em relação às configurações e, claro, com as novas pistas neste ano e com uma nova equipe ao meu redor. [A equipe] Realmente confia nos pilotos, então você precisa dar feedback e informações muito diretas, e isso realmente pode nos ajudar a seguir em frente”, afirmou o novato.

“Tem sido uma grande experiência até agora no primeiro teste de pré-temporada, mas sei que ainda há um longo caminho a percorrer e muitas coisas para me acostumar”, acrescentou.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Guanyu Zhou, Alfa Romeo, Barcelona, F1 2022
Guanyu Zhou teve o privilégio de estrear nova pintura da C42 em Barcelona (Foto: Alfa Romeo)

LEIA TAMBÉM
+Haas lamenta problemas nos testes, mas vê “bom progresso” em Barcelona
+Alfa Romeo realiza shakedown e mostra nova pintura da C42 na pista em Barcelona

Um dos principais problemas visíveis nos testes foi em relação ao ‘porpoising’ — os quiques, num bom português. O motivo é que, com o retorno do efeito solo, os novos carros, em contato com oscilações na pista, estão entrando em estado estol, termo utilizado na aviação. É um efeito gerado quando uma maior quantidade de ar é canalizada na área superior do bólido em comparação com a inferior, o que faz o eixo dianteiro subir e descer diversas vezes, semelhantes aos quiques dos golfinhos em alto mar.

Por isso, o mais novo dono do carro #24 enfatiza que o trabalho da equipe precisa ser contínuo para tentar levar a Alfa Romeo a uma melhor posição em 2022.

“Desde o segundo dia [dos testes de pré-temporada], já houve um pouco de melhoria depois do primeiro dia com o feedback que recebemos. É claro que o problema ainda existe um pouco para todas as equipes, e acho que essa é a maior limitação do novo carro para todos”, explicou.

“Nós apenas temos de encontrar uma maneira de contornar isso para conseguirmos o máximo de downforce possível mas, em termos de segurança, não deve haver problemas”, acrescentou.

Zhou vai retornar ao cockpit da C42 nos próximos dias 10, 11 e 12 de março, quando será realizada a última sessão de testes de pré-temporada, no Bahrein. O Circuito de Sakhir também dá início à temporada 2022, no dia 20 desse mês.

ESTRUTURA, DINHEIRO E TRADIÇÃO: ANDRETTI É 11ª EQUIPE PERFEITA PARA FÓRMULA 1?

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar