Hamilton aprova largadas mais ‘humanas’ nas corridas da F1: “Quanto mais controle tivermos, melhor”

A partir do GP da Bélgica, os auxílios externos aos pilotos para a largada das corridas serão banidos, e o bicampeão Lewis Hamilton gosta da ideia. Ele lembrou dos tempos em que ainda competia na F3 e tinha de fazer tudo sozinho

A atenção maior que será dispensada pela FIA a partir do GP da Bélgica para garantir que os pilotos "guiem os carros sozinhos", como solicita o regulamento da F1, agrada ao bicampeão Lewis Hamilton. O piloto da Mercedes vê com bons olhos que as largadas das corridas da categoria se tornem mais 'humanas' e menos auxiliadas por sistemas eletrônicos e pelos engenheiros.

"Estou contente. Quanto mais controle tivermos, melhor", afirmou Hamilton, que fez a pole-position no GP da Inglaterra, mas caiu para terceiro antes da primeira curva.

Hamilton vê com bons olhos que as largadas da F1 se tornem mais humanas (Foto: Beto Issa)

"No momento, nós que soltamos a embreagem, mas a performance é ditada pela equipe. Eles que te dizem quando subir ou descer o torque, todas essas coisas. Às vezes, eles calculam certo, às vezes não", comentou o britânico.

"Para mim, as melhores largadas foram quando eu estava na F3 e a embreagem era normal. Elas eram mais divertidas porque eu tinha o controle. Então, se fizerem do jeito certo aqui na F1, pode ser bom", completou.

A partir do GP da Bélgica, também será reforçado o controle sobre as instruções passadas pela equipe aos pilotos pelo rádio.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube