Hamilton cobra atualizações da McLaren e alerta: “Não tenho dúvida de que Lotus vai vencer”

Lewis Hamilton acredita em evolução da Lotus e cobra atualizações da McLaren. Britânico acredita em vitória da equipe de Kimi Räikkönen e Romain Grosjean

Lewis Hamilton venceu o GP da Hungria, última prova da F1 antes da pausa das férias, mas a etapa de Hungaroring ligou o alerta para a força da Lotus. Na visão do piloto da McLaren, o time de Woking não teria vencido se Kimi Räikkönen e Romain Grosjean tivessem conquistado um lugar na primeira fila do grid de largada.

“Nós fomos rápidos, mas se as duas Lotus tivessem se classificado na primeira fila, eles teriam vencido”, considerou.
 

Hamilton crê que McLaren só conseguirá dobradinha melhorando desempenho do MP4-27 (Foto: McLaren)


O companheiro de Jenson Button avaliou que seria bom para a McLaren conquistar uma dobradinha, mas afirmou que o time só terá condições de fazer isso melhorando o desempenho do carro.

“Seria bom ter uma corrida confortável onde nós possamos ficar na frente e eu e Jenson possamos conquistar uma dobradinha”, disse. “Mas isso só vai acontecer com mais performance no carro e é nisso que temos de trabalhar”, ressaltou.

Por fim, Lewis ponderou que é uma questão de tempo para que a Lotus vença na temporada de 2012. O último triunfo de Räikkönen na categoria aconteceu em 2009, no circuito de Spa-Francorchamps, palco da próxima prova do calendário. Grosjean, por outro lado, segue em busca de seu primeiro triunfo.

“Eu realmente espero ter outra atualização em Spa. Vou cobrar isso porque a Lotus, creio eu, terá atualizações”, indicou. “Eu não tenho dúvida de que a Lotus vencerá em algum momento, talvez até em Spa, então nós temos de ter certeza de que daremos um passo a frente assim como eles”, concluiu.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube