Hamilton coloca decepções de lado, elogia "revigorante" circuito de Monza e foca no GP da Itália

Após mais um final de semana conturbado, Lewis Hamilton esquece problemas em Spa-Francorchamps e já pensa no GP da Itália, próxima etapa da temporada da F1

O final de semana foi bem polêmico para Lewis Hamilton. Ao não ir bem no treino classificatório para o GP da Bélgica, no último sábado (1), o inglês divulgou, em sua conta no Twitter, alguns dados da telemeteria de seu carro, o que acabou sendo condenado por Jenson Button, mas que fez a festa dos principais rivais. E o piloto ainda se envolveu no acidente causado por Romain Grosjean em que, além dele e do franco-suíço, Fernando Alonso e Sergio Pérez também foram atingidos e abandonaram a prova.

Querendo esquecer tudo isso, Hamilton afirma que já deixou todos os problemas e polêmicas para trás, e agora mantém o foco no GP da Itália, que acontece neste final de semana. "Spa foi apenas um daqueles fins de semana, mas a beleza dessas corridas seguidas é que, após um dia ruim, logo já vem outra", disse o piloto.

Hamilton deseja esquecer problemas na Bélgica na Itália (Foto: McLaren)

Ele elogiou muito o circuito de Monza e afirmou que vai buscar a inédita vitória no GP da Itália. "E Monza é um circuito único e revigorante, o que torna fácil colocar minhas decepções de lado e me concentrar apenas em pilotar tão rápido quanto possível neste fim de semana”, explicou o inglês, que foi segundo colocado em 2007, seu melhor resultado

"Eu nunca ganhei em Monza antes e eu vou fazer tudo que posso para vencer neste fim de semana”, finalizou Hamilton, quinto colocado no campeonato, com 117 pontos.

O Grande Prêmio cobre 'in loco' neste fim de semana a 13ª etapa do Mundial de F1, o GP da Itália, direto de Monza, com Evelyn Guimarães.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube