F1

Hamilton dá show após “resgate de si mesmo” e se diverte com recuperação no GP do Brasil “como se estivesse no kart”

Lewis Hamilton foi eleito pelos fãs da F1 como o Piloto do Dia no GP do Brasil deste domingo. Título mais que justo em razão da sua performance soberba ao largar do pit-lane e terminar na quarta posição. O pódio lhe escapou por pouco: “Os pneus não aguentaram no fim”. Ainda assim, o tetracampeão se mostrou grato e feliz com o resultado. E deixou claro que segue ainda mais focado em buscar vitórias, títulos e recordes: “Ainda tenho aquela chama no meu coração”

Warm Up, de Interlagos / FERNANDO SILVA, de Interlagos

Lewis Hamilton foi o grande nome do GP do Brasil. Com uma atuação digna de tetracampeão mundial, o britânico fez valer o brilho prateado da sua Mercedes e colocou à prova todo seu talento em Interlagos neste domingo (12). Depois de um sábado ‘fora da curva’ com o erro cometido ainda no Q1 do treino classificatório, Lewis deu a volta por cima, e com direito a show. Depois de largar do pit-lane, o piloto não tomou conhecimento dos adversários e, um a um, todos foram superados. Só faltou mesmo passar Kimi Räikkönen para chegar ao pódio. Os pneus fraquejaram no fim. Mas nada que tire o sorriso de Hamilton, ao contrário.
 
“Foi divertido”, comentou o tetracampeão. “Senti como se estivesse nos meus dias no kart, quando sempre largava em último. Eu me coloquei na pior posição possível. Estava rápido o bastante para vencer a corrida largando da pole, e não consegui, então tive de trabalhar muito duro”, salientou.
 
O britânico contou como lidou com o erro cometido no último sábado para reagir e dar a volta por cima, buscando motivação para fazer uma grande corrida diante dos fãs brasileiros.
Lewis Hamilton brilhou em Interlagos neste domingo de GP do Brasil (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)
“Ao acordar nesta manhã, meu objetivo foi resgatar a mim mesmo depois do erro de ontem, e realmente deixei a equipe orgulhosa e tentei buscar os pontos. Tentei sair do fim para terceiro, mas simplesmente os pneus não aguentaram no fim. Mas me diverti com a corrida e me diverti brigando”, declarou Lewis.
 
Hamilton deixou claro que não há espaço para comodismo e relaxamento depois de tornar-se um dos grandes da F1 ao conquistar o quarto título. E disse que ainda sonha com muito mais. “Espero continuar mostrando não apenas para mim, mas também para todo mundo, que ainda tenho aquela chama no meu coração, ainda sou jovem e ainda há muitas, muitas corridas pela frente”.
 
Quanto ao erro cometido no sábado, Hamilton lembrou que é humano e que falhas acontecem. E que tudo isso vem justamente para sua evolução como piloto e também como pessoa.
 
“Não há espaço para erros quando você trabalha para fazer seu melhor, mas claro que isso acontece e é parte do processo de crescimento. Tive um ano muito limpo, não tive acidentes e controlei bem o carro. Ontem estava lá atrás e hoje tudo foi possível. Sair do fim para terminar em quarto me deixou muito grato e muito feliz com isso”, comemorou.
 

Por fim, Hamilton agradeceu aos internautas e aos fãs que o escolheram como o grande nome do GP do Brasil. “Muito obrigado a todos os fãs que votaram em mim para Piloto do Dia. Espero que vocês tenham se divertido com o espetáculo, e prometo dar tudo do meu coração e do carro”, finalizou.

GRANDE PRÊMIO e o MSN Esportes acompanham 'in loco' o GP do Brasil com Flavio Gomes, Victor Martins, Evelyn Guimarães, Fernando Silva, Gabriel Curty, Pedro Henrique Marum, Vitor Fazio, Américo Teixeira Jr. e Rodrigo Berton direto de Interlagos. Acompanhe a cobertura aqui e todos os detalhes AO VIVO e em TEMPO REAL aqui.
GERAÇÃO PRIVILEGIADA

F1 TEM ÓTIMA CLASSE EM 2017. E É BOM DEMAIS VÊ-LA EM AÇÃO