Hamilton diz que tinha carro para 1ª fila nos EUA e assume: “Culpa minha”

Lewis Hamilton se mostrou bem chateado por ter passado longe de conquistar a pole-position. Mesmo tendo um carro capaz de lutar pela ponta neste sábado (2) em Austin, o quase hexacampeão do mundo admitiu que esteve abaixo do seu melhor

A véspera do que pode vir a ser a conquista do hexacampeonato mundial de F1 foi de revés para Lewis Hamilton. O britânico despontou como um dos fortes candidatos à pole-position do GP dos EUA por conta do histórico vitorioso no Circuito das Américas — três poles e cinco vitórias — e também em razão da sólida performance da Mercedes no traçado texano. Mas, na tarde deste sábado (2), Lewis viu o companheiro de equipe, Valtteri Bottas, fazer a festa e comemorar a posição de honra para a corrida deste domingo.
 
Em entrevista coletiva pouco depois da classificação, Hamilton deixou claro que tinha carro para lutar mais à frente. Quinto colocado no grid de largada, a 0s292 do tempo aferido pelo finlandês, Lewis reconhece: ficou devendo nesta tarde.
Lewis Hamilton ficou longe de estar feliz neste sábado (Foto: Mercedes)
“Na verdade, não tem nada a ver com o carro”, explicou. “Hoje sou eu, não fiz as voltas hoje, não encaixei”, disse Hamilton.
 
“Claramente, o carro tinha capacidade para estar na primeira fila e eu simplesmente não fiz isso hoje. É culpa minha e vou tentar corrigir isso amanhã”, continuou.
 
Hamilton tenta amenizar a ansiedade um dia antes do provável hexa. Mesmo que Bottas vença neste domingo em Austin, basta a Lewis terminar o GP dos Estados Unidos até a oitava colocação, marcando assim os 4 pontos necessários para a conquista da taça.
 
“Sinceramente, estou tentando não pensar muito nisso agora. Só quero tentar digerir o que acabou de acontecer e seguir em frente logo mais”, complementou.
 
A largada do GP dos EUA está marcada para 16h10 (horário de Brasília) deste domingo. O GRANDE PRÊMIO acompanha AO VIVO e em TEMPO REAL.
Paddockast #40
QUEM VOCÊ ENTREVISTARIA NO GP DO BRASIL?

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube