Hamilton lidera treino livre 3 na Bélgica. Ocon é segundo e Vettel fecha em último

Lewis Hamilton foi o mais rápido do treino livre que abriu os trabalhos deste sábado em Spa-Francorchamps. Destaque positivo para Esteban Ocon, com uma Renault que vem voando no primeiro setor. E a Ferrari segue dando vexame na Bélgica

Lewis Hamilton não teve dificuldades para fazer a volta mais rápida do terceiro treino livre do GP da Bélgica. Na manhã deste sábado (29), o hexacampeão do mundo marcou 1min43s255. Destaque positivo novamente para a Renault, que voltou a se colocar em segundo, mas desta vez com Esteban Ocon, que vem mostrando ótima performance no primeiro setor. O francês foi somente 0s230 mais lento que Hamilton e deixou para trás Lando Norris, da McLaren, e Alexander Albon, da Red Bull, terceiro e quarto, respectivamente. Valtteri Bottas errou na sua simulação derradeira de classificação e foi só o quinto.

Mais rápido da sexta-feira, Max Verstappen também não conseguiu encaixar a melhor performance na sua última simulação de classificação e foi apenas o sexto, seguido pela Renault de Daniel Ricciardo. Lance Stroll, da Racing Point, foi o oitavo, à frente da McLaren de Carlos Sainz e do seu companheiro de equipe, Sergio Pérez, décimo. Destaque também para Nicholas Latifi, que foi 13º com a Williams.

Pior mesmo foi a Ferrari, que segue dando vexame em Spa-Francorchamps. Charles Leclerc foi o melhor colocado dentre os carros da equipe, mas foi somente o 17º. Sebastian Vettel foi ao limite, tentou tudo, mas terminou sua volta rápida na última posição, 2s165 mais lento que Hamilton. Inacreditável.

Lewis Hamilton foi o mais rápido desta manhã de sábado em Spa (Foto: Mercedes)

A Fórmula 1 volta a acelerar logo mais, a partir de 10h (de Brasília), com a sessão classificatória que vai definir o grid de largada do GP da Bélgica. O GRANDE PRÊMIO acompanha tudo AO VIVO e em TEMPO REAL.

Saiba como foi o terceiro treino livre do GP da Bélgica de F1

Com céu nublado, 14ºC de temperatura ambiente e 18,7ºC no asfalto, a Fórmula 1 abriu os trabalhos do sábado com o último treino livre antes da classificação em Spa-Francorchamps.

Kevin Magnussen, que sofreu com problemas no motor Ferrari na última sexta-feira, assim como seu companheiro de equipe na Haas, Romain Grosjean, puxou a fila para o início da sessão desta manhã. Os dois foram os primeiros a registrar tempos no TL3.

Magnussen tinha 1min45s984 e era o líder da tabela de tempos de uma sessão bastante esvaziada e sem ação. Pouco depois de o dinamarquês e de Grosjean regressarem aos boxes, uma chuva fina deu as caras em alguns trechos do circuito belga, inclusive no local do pit-lane.

F1; FÓRMULA 1; GP DA BÉLGICA; MAX VERSTAPPEN; RED BULL; SEXTA-FEIRA
Max Verstappen andou novamente muito próximo aos tempos da Mercedes (Foto: Getty Images/Red Bull Content Pool)

Mas o volume de água era muito baixo e insuficiente para molhar a pista. Assim, a maioria dos pilotos voltou à pista depois de 20 minutos de treino.

Com pneus macios, Valtteri Bottas virou 1min43s813 e colocou a Mercedes na liderança, sendo seguido por Lewis Hamilton, com o britânico sendo 0s609 mais lento que o colega na primeira passagem. Sergio Pérez, com uma Racing Point que andou bem na sexta-feira, aparecia em terceiro, com Esteban Ocon, da Renault, em quarto. Tudo isso antes de Max Verstappen, o mais rápido do TL2, abrir a sua volta.

O holandês perdeu tempo no segundo setor em razão do tráfego e não tracionou bem na última curva. Ainda assim, virou tempo somente 0s083 mais lento na comparação com Bottas, subindo para segundo. Em seguida, Hamilton melhorou seu tempo, mas ainda assim ficou longe dos dois líderes, subindo para terceiro, 0s325 atrás do finlandês.

Esteban Ocon repetiu o bom desempenho da sexta-feira e andou bem com a Renault nesta manhã (Foto: Renault)

Já na segunda metade do treino, Pierre Gasly fez boa volta com os pneus médios e se colocou em quinto, logo à frente de Ocon, que tinha a melhor parcial no primeiro setor. Kimi Räikkönen era o único ainda sem registrar tempo, enquanto a Ferrari seguia seu calvário e continuava longe do top-10: Charles Leclerc aparecia em 12º, 1s8 mais lento que Bottas, enquanto Sebastian Vettel tinha o 15º tempo, entre as Williams de George Russell e Nicholas Latifi. O tetracampeão estava 2s atrás do líder da sessão.

Os últimos minutos do treino foram de muito silêncio na pista. As equipes e pilotos tinham os carros prontos para as simulações de classificação, mas os mantinham nos boxes. Com 8 minutos para a bandeirada, o primeiro a quebrar o silêncio foi Carlos Sainz, seguido por Esteban Ocon. Foi a senha para que a maioria dos competidores voltasse à pista.

Com ótima volta e grande performance, sobretudo no primeiro setor, Ocon marcou 1min43s485 para assumir a liderança da sessão com o melhor tempo do fim de semana até então. O francês foi seguido pela McLaren de Norris.

Mas a marca de Ocon durou somente até Hamilton passar em 1min43s255 para tomar a dianteira. Já a Ferrari não evoluiu nem com os pneus macios. Leclerc aparecia somente em 17º lugar, 1s892 mais lento que Hamilton. E Vettel, mesmo andando no limite, virou mais de 2s acima da marca do líder da sessão, ficando no inacreditável último lugar.

Fórmula 1 2020, GP da Bélgica, Spa-Francorchamps, treino livre 3:

1L HAMILTONMercedes1:43.255 9
2E OCONRenault1:43.485+0.2309
3L NORRISMcLaren Renault1:43.641+0.38612
4A ALBONRed Bull Honda1:43.731+0.47613
5V BOTTASMercedes1:43.813+0.5589
6M VERSTAPPENRed Bull Honda1:43.896+0.64110
7D RICCIARDORenault1:43.973+0.7188
8L STROLLRacing Point Mercedes1:43.988+0.73312
9C SAINZ JRMcLaren Renault1:44.006+0.75113
10S PÉREZRacing Point Mercedes1:44.180+0.92512
11P GASLYAlphaTauri Honda1:44.508+1.25314
12D KVYATAlphaTauri Honda1:44.543+1.28814
13N LATIFIWilliams Mercedes1:44.771+1.51611
14K MAGNUSSENHaas Ferrari1:44.841+1.58610
15R GROSJEANHaas Ferrari1:44.844+1.58916
16K RÄIKKÖNENAlfa Romeo Ferrari1:44.932+1.67711
17C LECLERCFerrari1:45.147+1.89212
18G RUSSELLWilliams Mercedes1:45.157+1.90211
19A GIOVINAZZIAlfa Romeo Ferrari1:45.190+1.93513
20S VETTELFerrari1:45.420+2.16512
  Tempo 107%1:50.483+7.228 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube