F1

Hamilton prevê pelotão intermediário mais próximo de equipes de ponta em 2019: “Vai ser emocionante”

Lewis Hamilton acredita que a temporada 2019 vai ser um pouco mais equilibrada. O titular da Mercedes afirmou que o pelotão intermediário parece ter diminuído significante a distância para as equipes ponteiras do grid
Grande Prêmio / Redação GP, de São Paulo
Mercedes, Ferrari e Red Bull são os três times que, em 2018, brigaram por vitórias e pódios. Enquanto isso, o restante do pelotão, considerado a ‘F1 B’, via a diferença para as ponteiras crescer cada vez mais.
 
Mas em 2019, com o novo regulamento aerodinâmico, as coisas podem mudar, e o pentacampeão acredita que as coisas ficarão mais próximas. “Não sei qual equipe está em quarta, mas estão muito mais próximas do que estavam no passado”, falou.
Sergio Pérez (Foto: Pirelli)
“Antes, havia uma diferença de 1s ou algo assim, acredito que agora é algo em torno de 0s5 ou talvez menos, o que é incrível. Como vão se desenvolver durante a temporada, se tem a capacidade de desenvolver como as três equipes de ponta, é provavelmente a maior questão”, seguiu.
 
“Vai ser emocionante. Talvez verão algumas corridas onde Renault ou Racing Point vão estar muito mais acima do que estavam no passado”, concluiu.
 
A temporada 2019 da Fórmula 1 começa neste final de semana, em Melbourne. A classificação para o GP da Austrália acontece no sábado, 16,  e a corrida tem a largada no domingo, 17.