Hamilton rebate críticas de Vettel por comparar Mercedes a ônibus e diz que rival “tem vida fácil”

Tricampeão mundial de F1 disparou contra Lewis Hamilton por conta do ritmo mais lento do britânico durante a primeira parte do GP de Mônaco. O piloto da Mercedes se irritou e criticou Sebastian Vettel, insinuando que o alemão é mimado e tem vida fácil

O GP de Mônaco ainda segue dando o que falar. Pouco depois da corrida, disputada no último domingo (26), Sebastian Vettel criticou duramente a Mercedes, grande vencedora nas ruas do Principado. O tricampeão do mundo reclamou do rimo dos carros prateados durante a primeira parte da prova, quando ficou atrás de Lewis Hamilton, o segundo colocado, sem conseguir fazer a ultrapassagem por conta das características do circuito urbano de Monte Carlo. No comunicado emitido pela Red Bull, Sebastian comparou os carros da Mercedes a um ônibus pelo ritmo lento. Mas Lewis rebateu as críticas do rival e insinuou que o alemão é mimado e tem vida fácil porque teve o melhor carro da F1 nos últimos anos.

Logo após a corrida, Vettel não escondeu sua insatisfação com o ritmo mais lento dos carros da Mercedes em Mônaco. Durante 30 voltas, Seb tentou ultrapassar Hamilton, sem sucesso. A conquista da segunda posição veio após a primeira bandeira amarela, acenada após a forte batida de Felipe Massa na Sainte-Dévote. Lewis enfrentou problemas no seu pit-stop e foi ultrapassado por Vettel e também por Mark Webber, caindo para quarto.
Hamilton foi criticado por Vettel, que disse que sua Mercedes se portou como um ônibus em Mônaco (Foto: Getty Images)

Contudo, mesmo tendo reclamado do ritmo da Mercedes no começo da prova, Sebastian jamais representou uma ameaça para Nico Rosberg, o grande vencedor do domingo. Webber, por sua vez, foi pressionado por Hamilton até o fim da corrida, mas o britânico não conseguiu tomar de volta uma colocação no lendário pódio monegasco.

“Estou um pouco surpreso pelo ritmo tão lento [das Mercedes] nas primeiras voltas. Normalmente você espera duas flechas prateadas, mas eles foram como ônibus que estavam passeando”, detonou Vettel, que logo foi rebatido por Hamilton, irritado com as palavras do alemão que, apesar das inúmeras reclamações sobre a Mercedes e também aos pneus Pirelli, ampliou em Mônaco sua vantagem na liderança do Mundial.

Em entrevista à agência de notícias ‘Press Association’, Hamilton alfinetou o rival e lembrou ao alemão que vencer com um carro rápido não é tão trabalhoso quanto construir um carro competitivo ao longo do tempo. “Ele vem tendo o carro mais rápido durante os últimos quatro anos, então é fácil para ele dizer isso”, comentou Lewis, dizendo também que Seb tem “a vida fácil”.

Na visão de Hamilton, o trabalho para fazer da Mercedes uma equipe vencedora e capaz de brigar por títulos é árduo e constante. “Estamos construindo nosso caminho, estamos aprendendo, crescendo, melhorando com o carro, que tem um grande potencial, então não posso concordar com ele”, esbravejou o piloto, quarto colocado na temporada 2013 com 62 pontos somados, 45 a menos em relação a Vettel, que lidera a tábua de classificação.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube