‘Kit aposentadoria’, culinária em alta e ‘presentes de grego’: o amigo secreto dos pilotos da F1

No amigo secreto entre os pilotos da F1 - com a ausência da dupla da Ferrari -, o que se viu foi um festival de presentes inúteis. Alguns deles, é verdade, divertidos. Uma pequena parcela até terá alguma serventia para aqueles que receberam

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

O que você imagina de um Amigo Secreto entre pilotos da F1? Presentes caros e luxuosos, cheios de pompa e daquelas coisas que os reles mortais não podem adquirir. Mas tente outra ideia. Na brincadeira dos pilotos, realizada no GP de Abu Dhabi mas que foi levado às redes sociais da F1 apenas neste sábado (23), o que se viu foi um show de esquisitices.

 
Não que nada tenha sido pensado ou fosse útil. Alguns pilotos acertaram em cheio em como fazer os colegas felizes – e alguns capricharam na galhofa. Um dos que galhofou com classe foi Lewis Hamilton. O tetracampeão mundial tirou Felipe Massa e resolveu levar em conta a aposentadoria: deu sapatos de pijamas, um cachimbo caseiro e um guia sobre pensionistas.
 
O próprio Massa foi espirituoso e deu ao dinamarquês Kevin Magnussen um guia sobre lugares para conhecer na Rússia. A explicação está na Copa do Mundo de futebol, que a Dinamarca, uma das últimas seleções a se classificar, irá jogar.
 
Mas ninguém ficou tão feliz quanto Romain Grosjean e Daniel Ricciardo ficaram com seus respectivos presentes. Grosjean até sacudiu os punhos cerrados para o céu quando desfraldou a máquina de fazer waffles que ganhou de Stoffel Vandoorne, enquanto Ricciardo mostrou todo o seu apreço pela cozinha ao ganhar um pacote de macarrão italiano vindo de Brendon Hartley.
Amigo Secreto da F1 (Foto: F1)
O pior presente ficou mesmo com Max Verstappen, que deu um pequena caixa de peixe enlatado para o finlandês Valtteri Bottas. O piloto da Mercedes até que tentou entrar na brincadeira "Como ele sabia que eu sou um gato?", questionou. Mas, convenhamos, é difícil com peixe enlatado.
 
A ausência na brincadeira foi da dupla da Ferrari. Nem Sebastian Vettel e nem Kimi Räikkönen participaram do amigo secreto.
EM BUSCA DO SONHO DA F1

PIETRO FITTIPALDI REVELA QUE NEGOCIOU COM A SAUBER PARA 2018

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height:
0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute;
top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube